Parte do Poster de "1917" © NOS Audiovisuais

DGA Awards 2020 | 1917 triunfa em mais um sindicato

1917 foi o grande vencedor dos DGA Awards 2020, os prémios entregues pelo sindicato de realizadores norte-americanos. 

“1917”, o drama bélico em que Sam Mendes homenageia o seu avô Alfred Mendes, um luso-descendente nascido em Trinidad e Tobago, foi consagrado o grande vencedor dos Directors Guild Awards 2020. Com a vitória nestes prémios entregues pelos seus colegas realizadores de cinema, o cineasta britânico conhecido por “Skyfall” (2012) ou “Beleza Americana” (1999) coloca-se um passo ainda mais à frente na corrida ao Óscar de Melhor Realizador.

Os DGA Awards antecipam normalmente o vencedor da categoria de Melhor Realizador nos Óscares 2020 e este ano, parece quase certa a vitória de Sam Mendes, que também já venceu nos Golden Globes e nos PGA Awards, o prémio do sindicato de produtores. Sam Mendes já havia ganho o DGA Award há precisamente vinte anos com “Beleza Americana”, algo que referiu no seu discurso. Nomeados na categoria estavam Bong Joon Ho (“Parasitas”), Martin Scorsese (“O Irlandês”), Quentin Tarantino (“Era Uma Vez em… Hollywood”) e Taika Waititi (“Jojo Rabbit”).

Lê Também:
Producers Guild Awards 2020 | Lista de Vencedores

Sam Mendes é o Melhor Realizador para os DGA

1917
© NOS Audiovisuais

Mesmo assim, a vitória de Sam Mendes nos DGA Awards revela um certo problema na distribuição dos filmes em Hollywood, no sentido em que o melhor de um ano cinematograficamente seja reduzido aos filmes que estreiam nos seus últimos meses. As distribuidoras lançam os seus filmes em novembro e dezembro porque sabem que irão despertar mais atenção junto dos membros de associações como o Sindicato de Realizadores, ou, obviamente a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, e que estes poderão mesmo assistir aos filmes, o que nem sempre acontece.

Mas o que tudo isto significa? Será que filmes menos populares ou distribuídos antes do verão, como “Parasitas” ou “Era Uma Vez em… Hollywood” terão sorte junto da Academia? Tendo em conta as últimas edições dos DGA Awards,como o Óscar de Melhor Realizador, costuma ser entregue ao realizador que teve o maior desafio técnico, enquanto que o galardão de Melhor Filme é entregue a filmes menos populares. Aconteceu no ano passado, em que Alfonso Cuarón venceu Melhor Realizador por “Roma” e “Green Book” foi eleito o Melhor Filme, e aconteceu também nos Óscares 2017 em que Damien Chazelle foi eleito o Melhor Realizador por “La La Land”, mas foi “Moonlight” a ganhar na categoria Melhor Filme.

Desta forma “Parasitas”, “Era Uma Vez em… Hollywood” podem ainda ser considerados como Melhor Filme. Abaixo poderás conhecer todos os vencedores dos DGA Awards 2020

DGA Awards 2020 | Lista Completa de Vencedores

Melhor Realizador em Cinema

Sam Mendes por “1917”

Melhor Realizador Estreante

Alma Har’el por “Honey Boy”

Melhor Realização de Documentário

Steven Bognar e Julia Reichert por “American Factory”

Melhor Realização de Telefilme ou Minissérie

Johan Renck por “Chernobyl”

Melhor Realização em Série de Comédia

Bill Hader por “Barry” (HBO)

Melhor Realização em Série de Drama

Nicole Kassell por Watchmen (HBO)

Fica atento a todos os galardões desta temporada de prémios e não percas as novidades junto das redes sociais da Magazine.HD. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *