Mulan | © NOS Audiovisuais

Disney e Paramount ajustam (novamente) calendário de estreias

A Disney e a Paramount fizeram novos ajustes às suas estreias. A culpa é do Covid-19 e Mulan, The French Dispatch e Top Gun: Maverick fazem parte do grupo.

Os grandes estúdios ainda não estão convencidos dos seus próprios agendamentos. Com o mundo em stand-by por causa da pandemia global, e de uma constante falta de entendimento naquelas que serão as formas mais seguras de retomar a abertura das salas de cinema, estúdios como a Disney ou a Paramount Pictures voltaram a mexer no seu calendário.

Se por um lado parecia que a summer season poderia iniciar-se oficialmente em julho com “Tenet”, da Warner Bros, o seu adiamento por tempo indefinido veio confirmar o que há muito se especulava: os mercados norte-americanos ainda não estão preparados para a reabertura ao público e, apesar das restantes audiências mundiais, os estúdios não querem arriscar as perdas de dinheiro avultadas que se avistam.

Lê Também:
COVID-19 na 7ª Arte | Quando voltam a abrir as salas de cinema?

O primeiro grande estúdio a anunciar esta semana novas alterações foi a Disney. Para além de “Mulan”, o filme que já tem sido adiado desde março, os estúdios do Mickey Mouse asseguraram novas datas para “The French Dispatch“, de Wes Anderson, e para os muitos aguardados projectos de “Avatar” e os novos filmes de “Star Wars”. As quatro sequelas de “Avatar” foram adiadas por um ano, apesar de James Cameron e a equipa terem retomado o trabalho recentemente na Nova Zelândia. Com esta nova estratégia, a primeira sequela está prevista apenas para dezembro de 2022, enquanto que os próximos três projectos de “Star Wars”, irão ocupar os calendários de 2023, 2025 e 2027.

Em relação aos projectos da Marvel não existiram quaisquer adiamentos para já, assim como em relação a longa-metragens da Pixar como “Soul“, de Pete Docter. Alguns dos títulos sob a alçada da Searchlight e da 20th Century Studios também foram alterados mas apenas por uma questão de semanas: “The Personal History of David Copperfield”, “Death on the Nile” e “Antlers”.

Lê Também:
Filmes adiados devido ao Covid-19 (em atualização)

Já a Paramount Pictures, que foi das primeiras a anunciar adiamentos, mantém-se com a mesma crença que os filmes devem ser apreciados nas salas de cinema e por isso continua a alterar o seu calendário. A sequela do filme de terror de John Krasinski, “Um Lugar Silencioso 2“, foi adiado para abril de 2021, assim como “Top Gun: Maverick“, que passa de uma estreia prevista em dezembro deste ano para julho de 2021.

Outros títulos que já receberam confirmação de adiamento são “Jackass” (setembro 2021), “Sonic: the Hedgehog 2” (abril 2022), “Under the Boardwalk” (julho 2022) e “The Tiger’s Apprentice” (fevereiro 2023).

MULAN | DISNEY ADIA NOVAMENTE ESTREIA DO FILME

O que pensas destes adiamentos? Já começaste a regressar aos cinemas este verão?

Marta Kong Nunes

Arquitecta (com um c!) de formação. Coordenadora de profissão. Fanática de cinema e séries por pura paixão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *