Rush © Universal Pictures

Filmes a não perder na Cinemateca Portuguesa em julho (Parte I)

Em Julho, a Cinemateca Portuguesa estreia “Rush – Duelo de Rivais”, com Chris Hemsworth, e volta com a rubrica do Cinema na Esplanada

Antes de ir de férias em agosto, a Cinemateca Portuguesa prepara para os seus espectadores mais um mês com o melhor do cinema. Durante todo o mês de julho, a programação da Cinemateca Portuguesa está assente nas seguintes rubricas:

  • Cinema na Esplanada
  • A Noite
  • Jean-Clause Brisseau
  • Herman Melville no Cinema
  • Filmes Portugueses Legendados
  • Noites de Ouro 2019
  • Sessão Antecipação DocLisboa 2019

Entre as diferentes seções da programação da Cinemateca Portuguesa de destacar essencialmente o regresso de “Cinema na Esplanada”. A esplanada da Cinemateca Portuguesa é o local mais adorado pelos fãs de filmes independentes, clássicos, alternativos que normalmente são exibidos ao público nesse espaço.

“Rush – Duelo de Rivais”, realizado por Ron Howard é a grande estreia do mês na Cinemateca. O filme conta a rivalidade entre Niki Lauda e James Hunt, sendo protagonizado por Daniel Brühl, Chris Hemsworth e Olivia Wilde.

1 de 14

O Cinema na Esplanada regressa à Cinemateca Portuguesa

Cinemateca Portuguesa
‎The Searchers © C.V. Whitney Pictures

De destacar a exibição do filme “A Desaparecida” (John Ford, 1956), em homenagem a João Bénard da Costa, uma década depois da morte de uma das figuras mais emblemáticas da Cinemateca Portuguesa. Segundo a Cinemateca Portuguesa:

O cinema volta à Esplanada da Cinemateca em julho e setembro, nas noites de sexta-feira e sábado, às 22h30, com projeções maioritariamente em película 35 mm. Este mês propõem-se várias sessões do Ciclo […] Numa delas voltamos a evocar a memória de João Bénard da Costa, no ano em que se perfaz uma década sobre a sua morte, com a exibição de THE SEARCHERS (A DESAPARECIDA), de John Ford, filme maior de um autor maior, que acompanha o lançamento do segundo volume do primeiro tomo da edição dos Escritos sobre Cinema de João Bénard da Costa. Neste volume há Cukor, há DeMille, há Dovjenko, há Godard, há Griffith e… há Ford.

Seguem-se nas próximas páginas uma lista dos melhores filmes a assistir na Cinemateca Portuguesa na primeira quinzena de julho. Entre eles contam-se “The Night of The Hunter” (1955), “After Hours” (1985), e precisamente “The Searchers” (1956).

A par dos filmes, a Cinemateca Portuguesa tem regularmente exposições, que a par de agora serão destacadas nesta rubrica. Em julho, a Cinemateca tem uma exposição sobre “O Livro de Cinema”. Conhece-a neste artigo.

Os filmes escolhidos para os ciclos da Cinemateca do mês de junho refletem uma programação cada vez mais distinta. Conhece o horário dos filmes da Cinemateca em julho, bem como a respetiva sala de exibição. 

1 de 14

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *