George R.R. Martin | © Gage Skidmore

Game of Thrones | George R.R. Martin promete e tranquiliza os fãs

George R.R. Martin, o icónico criador de “Game of Thrones“, tranquilizou muitos fãs. Ele tem dois projetos pela frente, mas qual virá primeiro? 

George R.R. Martin agradou a muitos fãs quando prometeu no seu blogue pessoal que o seu envolvimento na próxima série baseada em “Game of Thrones” não vai retardar o próximo livro da saga “As Crónicas de Gelo e Fogo”, chamado “The Winds of Winter” (o qual muitos leitores aguardam há anos). Segundo o escritor:

Espero estar envolvido na série [“House of the Dragon“] até certo ponto… e, quem sabe, talvez até venha a escrever alguns episódios, como fiz nas primeiras quatro temporadas de GOT. Contudo — deixem-me deixar isto perfeitamente claro — Não assumirei nenhum guião até terminar e publicar o “Winds of Winter”. O inverno está a caminho e o Winds continua a ser a minha prioridade, ainda que uma dedicação tão grande quanto a minha vontade de vir a escrever um episódio de “House”.

Martin efetivamente escreveu um episódio para as quatro primeiras temporadas de “Game of Thrones“, embora tenha abandonado o posto para se concentrar no seu próximo livro, desde 2014, que tem sido adiado desde então. Enquanto isso, ele também trabalhou em bastante material secundário e, em vez dos detalhes do enredo de “House of the Dragon”, ofereceu algumas leituras recomendadas: Dangerous Women and Rogues, duas coleções de antologias co-editadas com Gardner Dozois.

Lê Também:
Game of Thrones | Sophie Turner defende final da série

O escritor também comentou o cancelamento da prequela de GOT, que seria definido milhares de anos antes, acerca da primeira batalha da humanidade contra os White Walkers:

Escusado será dizer que fiquei triste ao ouvir que o programa não iria para a frente. Jane Goldman é uma guionista fantástica, e eu gostei de fazer um brainstorming com ela. Desconheço a razão da HBO ter decidido cancelar a série, mas não penso que tal tenha a ver com a série “House of the Dragon”. Isto nunca foi uma situação de ou/ou. Se a televisão tem espaço suficiente para vários programas de CSIs e Chicago… bem, Westeros e Essos são muito maiores, com milhares de anos de história e contos, lendas e personagens suficientes para uma dúzia de programas. Embora seja de partir o coração trabalhar durante anos num piloto, derramar sangue, suor e lágrimas nele, dar em nada não é nada incomum. Eu já estive nesta situação mais de uma vez. Sei que Jane e a sua equipa estão decepcionados, e têm toda a minha simpatia por isso… e com os meus agradecimentos por todo o trabalho árduo e os meus bons desejos pelo que quer que façam a seguir.

“House of the Dragon” terá como produtor executivo Martin, Ryan Condal (Colony) e Miguel Sapochnik, que realizou alguns episódios de “Game of Thrones“, como “Battle of the Bastards” e “The Long Night”. A série irá concentrar-se na famosa família obcecada por fogo e incesto, os Targaryens, quando eles chegaram ao poder em Westeros.

Perante este comunicado de George R.R. Martin, o que tens em mente?

Luis Telles do Amaral

Escritor de O Diário da Pandemia, administrador do blogue Para Lá da Kapa e a licenciar-se em Microbiologia. Considero-me um devorador de livros nato e fã assíduo do grande ecrã.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *