Joaquin Phoenix venceu o Óscar de Melhor Ator por Joker © Warner Bros.

Joker | Todd Phillips revela uma importante cena do filme

Todd Phillips sabe que Sophie não morreu, uma vez que havia, originalmente, mais uma cena que confirmava o seu destino, em “Joker“. 

SPOILERS

O debate sobre o destino de Zazie Beetz, que atua como Sophie em “Joker”, terminou no mês passado, quando Lawrence Sher, diretora de fotografia do famoso filme, afirmou que a sua personagem não fora morta por Arthur, personagem interpretada por Joaquin Phoenix. Chegou-se, então, à conclusão que o realizador Todd Phillips mantém o destino de Sophie propositadamente ambíguo no filme. Depois de Arthur entrar no seu apartamento e ser revelado que a mesma não o conhece (sendo, assim, o relacionamento deles no filme, até esse momento, fantasia de Arthur), Phillips corta para o mesmo afastando-se no corredor. O corte deixou os fãs questionados se Arthur teria morto Sophie ou não. Sher esclareceu, portanto, o mistério: “Todd deixa claro que ela não foi morta. Arthur apenas mata pessoas que o prejudicaram de certa maneira, todavia Sophie nunca o fez.”.

Lê Também:
Frame a Frame | Que entre em cena o Joker

Todd Phillips confirma o destino da personagem numa entrevista dizendo:

Ele, definitivamente, não a mata. Como realizador e guionista, garanto que ele não a mata. Gostamos da ideia de que é quase como um teste decisivo para o público dizer: ‘Quão louco é ele?’. A maioria das pessoas com quem falei pensam que ele não a matou, porque entendem a ideia de que ele só mata pessoas que o prejudicaram. Ela não tinha nada haver com isso. A maioria das pessoas entendeu que, mesmo sendo um vilão, ele vive sobre um certo código. É claro que ele não matou essa mulher no corredor.

A cena do apartamento é a última vez que vemos Zazie Beetz em “Joker”, mas Phillips revelou, ainda, que havia uma outra cena planeada para o filme que não deixaria o destino de Sophie em aberto para debate. O realizador disse que o guião incluía um momento durante a entrevista de Arthur com Murray Franklin, representado por Robert De Niro, que mostrava Sophie a assistir à discussão na televisão. A cena teria, de facto, confirmado que Arthur não matou Sophie, mas Phillips decidiu retirá-la, uma vez que ele só queria que o filme fosse contado a partir do ponto de vista de Arthur e, cortar para a perspetiva de Sophie teria interrompido a estrutura narrativa do filme.

Poderás assistir à entrevista completa clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *