Turquia | © National Geographic

National Geographic convida a ver a Europa de cima

Numa altura em que as viagens ainda são um sonho, a National Geographic convida-nos a viajar a partir do sofá. Vamos a uma tour europeia vista do céu?

Estás desejoso de ir passear pelo mundo fora? Então não te preocupes porque o canal da National Geographic vai-te ajudar… dentro do possível e pelo conforto da tua própria casa e sofá. Com estreia marcada já para a próxima segunda-feira, dia 1 de março, pelas 22h10, chega a segunda temporada de “Europa Vista de Cima”.

Numa série que leva as audiências a uma impressionante viagem sobre a Europa, o Nat Geo mostra a Europa por paisagens nunca vistas e simplesmente espectaculares. E nos próximos países estão garantidas as viagens a seis países: França, Suécia, Hungria, Turquia, Finlândia e Grécia.

Lê Também:
National Geographic apresenta "Pioneiras da Mudança"

Dos marcos culturais ou locais geograficamente impressionantes, “Europa Vista de Cima” revela a tradição, a engenharia e a natureza de algumas das paisagens mais impressionantes do continente europeu. Cada episódio será centrado num único país e irá focar-se nalguns dos seus maiores ícones.

National Geographic
“Europa Vista de Cima” leva-nos até à Grécia em março | © National Geographic

Dos navios quebra-gelo gigantes da Finlândia, à magnífica Acrópole da Grécia, ou à construção da maior ponte do mundo na Turquia, “Europa Vista de Cima” mostra as tradições, inovações e descobertas de algumas das nações europeias mais modernas dos dias de hoje.

Os episódios serão todos emitidos às 2ª feiras, pelas 22h10.

CLIP | NATIONAL GEOGRAPHIC APRESENTA ‘EUROPA VISTA DE CIMA’

Também estás ansioso(a) por voltar a viajar? Qual será o primeiro destino?

Marta Kong Nunes

Arquitecta (com um c!) de formação. Coordenadora de profissão. Fanática de cinema e séries por pura paixão.

3 thoughts on “National Geographic convida a ver a Europa de cima

  • É com tristeza e perplexidade que constato que na série ” Europe from above”, não tenham mencionado PORTUGAL. Aliás quando apresentam Espanha, logo no início mostram a península Ibérica e dá a sensação que é tudo Espanha, mais mencionam que os romanos ocuparam a Espanha quando estamos a olhar para a península Ibérica toda. Quanto aos mouros e a invasão destes, o programa é do mais incorreto possível, até porque em Portugal as invasões foram feitas a ritmos diferentes das de Espanha e também ficou livre delas antes de Espanha. É lamentável que um canal prestigiado e com a importância do National Geographic induza as pessoas em erro desta vergonhosa maneira. Quem nunca tenha vindo a Península Ibérica fica a achar que é tudo Espanha, que Portugal não existe e se em alguns ignorantes geográficos, como eu conheci na Suiça, na Áustria e Dinamarca, nem sabiam onde era Portugal, agora o vosso canal veio reforçar essa ideia. É triste, é vergonhoso e não é correcto.

  • Só mais uma correção ao programa ” Europe from above”, Espanha não ajudou nem um judeu a fugir do Hitler, como é mencionado no programa, mas sim um português Aristides de Sousa Mendes, que era cônsul em Bordéus e que contra ordens de Salazar emitiu milhares de vistos. Portanto Espanha não salvou nem um judeu sequer, nem Franco o permitiria, mas sim um português que deu salvo condutos, para ATRAVESSAR Espanha e destino final PORTUGAL. Sei do que falo pois sou neto de um desses judeus que fugiu e foi salvo por esse português Aristides de Sousa Mendes. Já para agora só uma observação: Fizeram um filme com a vida de Shindler e esse salvou mil e poucos judeus, Aristides de Sousa Mendes salvou milhares e acabou sendo castigado e na miséria por isso. Não estava ja na hora de pelo menos homenagear está personagem incontornável da II WW. Será que ser português é um impedimento.

  • Concordo plenamente com estas críticas positivas, e fico muito triste por não incluírem Portugal, que tem uma História profunda em tantas áreas. Este canal é injusto e seletivo. Vergonha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *