Ouve a atroadora “Fine Mess” dos Interpol

O trio nova-iorquino Interpol lançou “Fine Mess”, single que não consta do alinhamento do mais recente álbum Marauder. Acrescentou também novas datas à sua digressão.

“Fine Mess” é o primeiro single universalmente divulgado pela banda desde o lançamento de Marauder em agosto do ano passado, tendo havido até agora apenas a partilha de uma versão em vinil de “All At Once”, adquirível com uma edição especial de coleccionador da Q Magazine. A canção acompanha o anúncio de novas datas da digressão mundial, que podem ser consultadas aqui. Entre os concertos destacados está o do Nos Primavera Sound, no dia 7 de junho.

Interpol - Fine Mess
Capa do single “Fine Mess”

A nova faixa, que terá resultado, muito provavelmente, das sessões de Marauder, revela a mesma energia e urgência que caracterizam as canções deste álbum, retomando de forma mais evidente, contudo, as raízes pós-punk da banda. São ainda assim visíveis traços do trabalho mais recente não só da banda como do projecto a solo de Paul Banks, num encontro entre a ziguezagueante e nervosa guitarra-solo do Kessler de El Pintor e Marauder e a textura saturada, a exasperada, verbalmente preenchida melodia vocal e as notas repetitivas da monocórdica guitarra-ritmo que identificam a personalidade musical de Banks, quando se dedica ao seu emprego pós-laboral.

Lê Também:
50 Melhores Canções de 2018

Segundo o vocalista, a letra é sobre “um par sanguíneo e celeste, simultaneamente impulsionado e destroçado pelos seus próprios sonhos e apetites.” Uma voracidade que termina em desastre: “You and me make a fine mess/ You’re always shattered”.

INTERPOL | “FINE MESS”

Maria Pacheco de Amorim

Literatura, cinema, música e teoria da arte. Todas estas coisas me interessam, algumas delas ensino. Sou bastante omnívora nos meus gostos, mas não tanto que alguma vez vejam "Justin Bieber" escrito num texto meu (para além deste).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *