Pedro Almodóvar vai ser presidente do júri no Festival de Cannes

Almodóvar é o primeiro realizador espanhol a liderar o júri do mais célebre festival de cinema a nível mundial, que decorre sempre em França.

Pedro Almodóvar, o famoso realizador de origem espanhola, foi escolhido para presidir o painel de jurados do Festival de Cannes de 2017. É o cineasta, juntamente com os restantes elementos do júri da 70.ª edição do festival, quem irá decidir quais os filmes que merecem concorrer pela Palma de Ouro. Almodóvar já fez parte do júri deste evento em 1992, altura em que o mesmo foi presidido por Gérard Depardieu.

“Sinto-me muito feliz por celebrar o 70.º aniversário nesta função tão privilegiada, mostro-me reconhecido e honrado, mas também com medo. Ser presidente do júri é uma pesada responsabilidade, e espero mostrar-me à altura das circunstâncias. Posso prometer que vou devotar-me de corpo e alma a este desafio que é simultaneamente um prazer e um privilégio”, disse Pedro Almodóvar no comunicado divulgado pela direção do Festival de Cannes.

Lê também: 10 filmes esquecidos pelos Óscares | Sete Minutos Depois da Meia-Noite

Apesar de não lhe faltarem bons filmes no currículo, nunca conseguiu vencer a Palma de Ouro, sendo conhecido como “o grande perdedor de Cannes”. Pedro Almodóvar só recebeu deste evento francês um prémio em 1999, o de melhor realizador com Tudo Sobre a Minha Mãe, que lhe valeu o Óscar de Melhor Filme. Também venceu mais tarde com outro prémio por Voltar, em 2006, devido ao argumento e à interpretação feminina do coletivo constituído por Penélope Cruz, Carmen Maura, Lola Dueñas, Blanca Portillo, Yohana Cobo e Chus Lampreave.

TRAILER | TODO SOBRE MI MADRE

No entanto, a direção do Festival de Cannes definiu-o como um “ícone flamejante do cinema espanhol e um realizador célebre em todo o mundo”, ao dar a notícia da sua escolha para presidente.

“Cannes está feliz por acolher um artista único, que usufrui de uma imensa popularidade. A sua obra está já inscrita para sempre na história do cinema”, disseram Pierre Lescure, presidente do festival, e Thierry Frémux, delegado-geral do evento, recordando também que Almodóvar já estreou seis dos seus filmes em Cannes, tendo cinco entrado em competição para a Palma de Ouro.

O festival vai decorrer entre os dias 17 e 28 de maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *