© David Passos / MHD

Sumol Summer Fest 2023 | Popcaan não teve público à sua altura

Popcaan foi o último artista a subir ao palco principal no primeiro dia do Sumol Summer Fest 2023. Mas “pagou” por atuar a seguir a Profjam.

O primeiro dia do Sumol Summer Fest 2023 estava claramente a meio gás, com um recinto a encher a conta gotas. Apesar de haver nomes interessantes, não foi o suficiente para atrair mais festivaleiros. Após o concerto de Aya Nakamura, o recinto começou a ficar mais composto, por causa de Profjam. Mas assim que terminou, mais de metade do público dispersou, indo para o campismo, ou mesmo embora. Para piorar a situação, a última atuação da noite atrasou-se cerca de 40 minutos. Popcaan sofreu as consequências do seu atraso, e o azar de ter atuado depois do rapper português.

Lê Também:   Guia dos Festivais de Verão para 2023

Longe do estilo que ouvimos com Profjam, Popcaan trouxe os melhores sons dos reggae, com orgulho da sua cultura jamaicana. Elétrico e sempre sorridente, o músico fez a festa para os poucos milhares que ainda se encontravam no recinto. Por muito que tentasse, o público não estava disposto a estar aos saltos. Assim prosseguiu o seu concerto, com o público a ficar cada vez mais reduzido com o passar do tempo. No final, Popcaan merecia mais, e podia (e devia) estar junto noutro dia com artistas do mesmo género.


© David Passos / MHD

O festival teve ainda mais um dia, com as atuações de Bispo, Guerrilla Girls, Matuê, entre outros.

VIDEOCLIPE | POPCAAN MEREIA MAIS NO SUMOL SUMMER FEST 2023

Foste um dos que ainda ficou no recinto?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *