"The Boys" (2019) ©Amazon Studios

The Boys com spin-off confirmado na Amazon

A Amazon confirmou oficialmente a produção do spin-off da sua série irreverente sobre super-heróis, “The Boys”, que contará com Michele Fazekas e Tara Butters como showrunners.

O spin-off de “The Boys” foi anunciado pela primeira vez como estando em desenvolvimento em Setembro de 2020. A série original concluiu recentemente a produção da 3ª temporada, com uma data de estreia pendente para a nova temporada. Na gala deste ano a série recebeu cinco indicações aos Emmys, incluindo o de Melhor Série Dramática.

A dúvida passou a certeza com a confirmação oficial da encomenda do spin-off que terá produção da Sony Pictures Television e da Amazon Studios. Com a saída de Craig Rosenberg devido a diferenças criativas, Michele Fazekas e Tara Butters assumem os papéis de showrunners e produtores executivos.

Lê Também:
Amazon Prime Video | As estreias de Setembro

Eric Kripke, o criador de “The Boys”, será o produtor executivo da Kripke Enterprises junto com os produtores executivos da série original Seth Rogen, Evan Goldberg e James Weaver da Point Gray Pictures, assim como da Original Film temos Neal H. Moritz, Pavun Shetty, Ken Levin, Jason Netter, Garth Ennis, Darick Robertson e Michaela Starr. Ennis e Robertson criaram a banda desenhada na qual “The Boys” é baseado. Erica Rosbe e Zak Schwartz são co-produtores executivos. Loreli Alanís atuará como executiva responsável pela Point Gray Pictures. Quanto a estrelas, Jaz Sinclair, Lizze Broadway, Shane Paul McGhie, Aimee Carrero, Reina Hardesty e Maddie Phillips já foram anunciados para protagonizar a série.

Passado na única faculdade da América exclusivamente para jovens adultos super-heróis (e dirigida pela Vought International), o spin-off ainda sem título é descrito como uma série irreverente e R-rated que explora a vida de Supes hormonais e competitivos quando eles colocam os seus limites físicos, sexuais e morais à prova, competindo pelos melhores contratos nas melhores cidades.

Uma boa noticia ou já será demais?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *