© Riot Games

Valorant | Riot Games implementa monitorização de chat de voz

A Riot Games vai implementar, em “Valorant”, um sistema de monitorização de voz com fim a combater a toxicidade.

Os jogos online podem ser muito divertidos, especialmente quando te estás a dar bem com a tua equipa e a jogar bem juntos. O que torna as experiências multijogadores insuportáveis, no entanto, são os jogadores que estão empenhados em tornar a experiência de todos os outros, miserável. Os estúdios por detrás dos jogos multijogadores, como é o caso da Riot Games, têm feito tudo o que podem para tentar garantir que jogadores tóxicos não estraguem tudo para os restantes. Agora, um novo passo é dado no mesmo caminho mas desta vez a controvérsia poderá ser maior que o esperado.

Lê Também:
Kingdom Maker, em análise

A Riot publicou um post no site oficial de “Valorant”, em fevereiro, e abordava as preocupações dos jogadores sobre utilizadores tóxicos. Esse post referia uma maior monitorização do chat de voz, o que é muito mais difícil de supervisionar que o de texto. Esta funcionalidade parece estar finalmente pronta a avançar, como referido num novo post lançado recentemente pela desenvolvedora. No dia 13 de julho, a Riot vai começar a testar o seu novo sistema de monitorização de voz na região da América do Norte.

Valorant Riot Games
© Riot Games

Teoricamente, esta espécie de monitorização já estava a ser posta em prática desde abril, mais sem qualquer tipo de restrições aplicadas até então – o foco principal dos testes é treinar o software de forma a lançar uma melhor versão do mesmo agora durante o verão.

Apesar do primeiro lançamento ser destinado a “Valorant”, o plano é lançar esta funcionalidade em todos os jogos da Riot Games, numa data posterior, assumindo que esta aplicação de software é bem sucedida.

Valorant KAYO Riot Games
© Riot Games

No entanto, podem haver preocupações com a privacidade quando o sistema de avaliação de voz entrar em ação, visto que todas as nossas palavras estarão a ser ouvidas por um elemento exterior. A Sony também já foi vítima deste tipo de controvérsia gerada pela (possível) excessiva monitorização, aquando do lançamento de um aviso da gravação das comunicações de voz nos grupos PlayStation.

Qual é a tua opinião relativamente à monitorização de comunicações, nos jogos online?

André Silva

Host do podcast "Duplo Sentido". Provavelmente o jogador mais azarado do mundo, o fanático por tecnologias e videojogos conseguiu vingar no pequeno grande mundo dos eSports (mesmo que por pouco tempo).

André Silva has 197 posts and counting. See all posts by André Silva

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.