Jessica Chastain em "Woman Walks Ahead"

Woman Walks Ahead com Jessica Chastain ganha primeiro trailer

Jessica Chastain brilha no primeiro trailer de “Woman Walks Ahead”, onde volta a interpretar uma mulher de forças desta vez em pleno século XIX.

Jessica Chastain tem vindo a construir a sua carreira de atriz através de um rol de mulheres de armas. À excepção do seu papel em “As Serviçais”, quando pensamos em Chastain automaticamente nos vem à memória filmes como “00:30 A Hora Negra“, “Miss Sloane – Uma Mulher de Armas” ou “Jogo da Alta-Roda“. Em “Woman Walks Ahead” não será diferente. A atriz irá dar vida a Caroline Weldon, uma mulher caracterizada pela sua forte personalidade, uma pintora que viveu na década de 1880.

Baseada em fatos verídicos,“Woman Walks Ahead” conta a história de Weldon, uma pintora viúva de Nova Iorque em meados do século XIX. Weldon era vista pela sociedade como inferior devido ao seu desejo de se tornar artista. Para provar o seu valor, a viúva decide viagem sozinha para a Dakota do Norte para pintar o retrato do Chefe Sitting Bull. A sua chegada a Standing Rock é recebida com hostilidade por parte do Oficial do Exército americano, que tem as tropas ao redor da reserva de Lakota para impedir possíveis reivindicações de terras pelos nativos. Com a crescente amizade entre Weldon e Sitting Bull, a pintora terá de lutar perante a ameaça das forças governamentais.

Lê Também:
25 Grandes Duplas Ator-Realizador que ainda vais poder ver em 2018

A Chastain juntam-se Michael Greyeyes (“Fear the Walking Dead“) como o chefe Sitting Bull, e o vencedor de um Óscar da Academia Sam Rockwell (“Três Cartazes à Beira da Estrada“) enquanto o Oficial do Exército. Ciaran Hinds, Chaske Spencer, e Bill Camp também integram o elenco. O filme é realizado por Susanna White (“Um Traidor dos Nossos“), com o argumento de Steven Knight, autor da série “Taboo”.

POSTER & TRAILER | JESSICA CHASTAIN E SUSANNA WHITE UNEM FORÇAS EM WOMAN WALKS AHEAD

Poster Woman Walks Ahead

“Woman Walks Ahead” estreia dia 7 de junho nas salas portuguesas.

Inês Serra

Cresci a ir ao cinema, filha de pais que iam a sessões duplas...Será genético? Devoro livros e algumas séries. Fã incondicional do fantástico e do sci-fi. Gostaria de viver todos os dias com o mote Spielbergiano - "I dream for a living"

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *