10 estreias a não perder nos Canais TVCine | A Teoria de Tudo

 

 

A Teoria de Tudo é a história de um homem que podia ter cedido às adversidades e ter desistido da vida que ninguém o censuraria. Mas este homem, Stephen Hawking, fez exatamente o contrário.

<< InícioParte 2 >>

O jovem Stephen Hawking tinha todos os argumentos para ser um brilhante académico. Estudante de Cosmologia na Universidade de Cambridge, com um Doutoramento em Astrofísica entre mãos, admirado por colegas e professores, Hawking gozava também de uma certa inércia e preguiça, como se tivesse todo o tempo do mundo, para sempre. Até que lhe é diagnosticada esclerose lateral amiotrófica, uma doença incapacitante e progressiva, que atrofia os músculos e leva inevitavelmente à morte. Ao jovem Stephen são lhe dados dois anos de vida. Ao invés de baixar os braços e desistir da vida, o jovem Stephen empenhou-se a sério nos estudos e desenvolveu uma brilhante teoria sobre a origem do mundo e sobre os buracos negros.

Lê Também:
Grandes Filmes na TV | Semana de 17 a 23 de fevereiro

 

A Teoria de Tudo

 

Lê também: A Teoria de Tudo, em análise

Ao seu lado nesta caminhada esteve Jane Wilde (Felicity Jones), uma jovem estudante de Artes, também da Universidade de Cambridge, por quem se apaixona e com quem vem a casar. Aliás o argumento de A Teoria de Tudo é baseado no livro escrito por Jane, sobre a vida do casal, como se conheceram, a decisão de casar, mesmo sabendo da doença, os filhos e os obstáculos que naturalmente surgiram pelo caminho. “Por pior que a vida pareça, enquanto houver vida, há esperança”, diz a personagem de Stephen no final do filme. É esta a ideia emocionante e que nos transporta a uma dimensão superior que atravessa A Teoria de Tudo, um filme simultaneamente simples e complexo sobre um homem que tem dedicado a sua vida a estudar o casamento entre o tempo e o espaço.

 

Lê Também:
Grandes Filmes na TV | Semana de 17 a 23 de fevereiro

 

A Teoria de Tudo estreia a 4 de dezembro, às 21h30, no TVCine 1.

<< Início | Parte 2 >>

 

 

Filipa Machado

Licenciada em Estudos Artísticos e uma grande apaixonada (e viciada) por Literatura, Televisão, Cinema e, em especial, por Animação Japonesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *