Emmys 2018

Emmys 2018 | Quem poderá ser nomeado?

Está prestes a começar a corrida aos Emmys 2018! Neste artigo mostramos-te as nossas apostas para os nomeados das principais categorias.

É já esta semana que ficaremos a saber quais os nomeados aos Emmys 2018. E antes de descobrirmos os indicados, a Magazine.HD apresenta-te as suas apostas. Sempre tendo em conta as séries que foram exibidas entre 1 de junho de 2017 e 31 de maio de 2018.

Emmys 2018

Para esta análise, iremos concentrar-nos nas seguintes categorias principais: Melhor Série Dramática, Melhor Série de Comédia, Melhor Minissérie/Telefilme, Melhor Ator numa Série Dramática, Melhor Atriz numa Série Dramática, Melhor Ator numa Série de Comédia, Melhor Atriz numa Série de Comédia. Em cada categoria, iremos ter em conta os nomeados do ano anterior, que poderão repetir a indicação na edição deste ano, e claro as novas séries e caras que poderão fazer a sua estreia nos nomeados.

Não percas nas páginas seguintes as nossas apostas para os nomeados dos Emmys 2018!




Melhor Série Limitada/Telefilme

Apesar de não ser a categoria mais aguardada dos Emmy Awards, a Melhor Série Limitada é também extremamente importante para todos. Assim, no ano passado, “Big Little Lies”, minissérie da HBO, levou para casa o galardão nessa categoria. Sem dúvida que “Big Little Lies” foi a justa vencedora. Desde o elenco de peso – constituído por Nicole Kidman, Reese Whiterspoon e Alexander Skarsgård, entre muitos outros -, passando pela fenomenal produção e terminando no magnífico argumento, a minissérie reunia todos os elementos necessários para a vitória.

Emmys 2018

Este ano, contrariamente à edição passada, a concorrência, nesta categoria, será enorme. Certamente que “The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story” será nomeada. À minissérie, que foi extremamente aclamada pelo público, deverão juntar-se “Twin Peaks” e “The Looming Tower”.

Sendo também muito apreciadas, “Godless”, da Neftlix, e “Howard Ends”, da BBC One, podem também fazer parte da lista de nomeados dos Emmy Awards. Ainda que nenhuma das minisséries tenha o seu lugar reservado, estas são fortes candidatas à distinção. Contudo, e apesar de não ser provável, “Top of the Lake: China Girl”, com Elisabeth Moss (vencedora, no ano passado, na categoria de Melhor Atriz em Série Dramática devido à sua participação em “The Handmaid’s Tale”) e “Patrick Melrose”, protagonizado por Benedict Cumberbatch, podem também ser apontados como possíveis indicados.

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– “The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story

– “Twin Peaks

– “The Looming Tower”

– “Godless

– “Howard Ends

– “Top of the Lake: China Girl”

– “Patrick Melrose

 

Catarina Novais




Melhor Atriz numa Série Limitada/Telefilme

Será que iremos assistir a uma repetição do ano passado, com Laura Dern a voltar a vencer a categoria? Depois de ter conseguido o seu primeiro prémio com “Big Little Lies”, ao que tudo indica a atriz conseguirá (pelo menos) uma nomeação pelo seu desempenho em “The Tale“.

Emmys 2018

Mas a vitória poderá não ser assim tão fácil, uma vez que Jessica Biel conquistou elogios pela sua performance em “The Sinner“. O drama foi um lançamento de verão, estando há quase um ano fora do ar, porém o desempenho de Biel não será esquecido facilmente. O mesmo aconteceu com Elisabeth Moss. Além da possível presença entre as nomeadas para Melhor Atriz numa Série Dramática, Moss também poderá estar nesta categoria com “Top of the Lake: China Girl”, que foi lançado em setembro de 2017.

Sarah Gadon espera que o entusiasmo por “The Handmaid’s Tale” se traduza em interesse para adaptação de outro livro de Margaret Atwood, “Alias Grace”. Paralelamente, Hayley Atwell tem recebido elogios pelo seu desempenho na adaptação de “Howards End”, e podendo conquistar assim a sua primeira nomeação aos Emmys. Também Michelle Dockery está à procura da sua primeira nomeação depois de “Downton Abbey“, com “Godless”. O mesmo acontece com Edie Falco que tentará conquistar a sua primeira nomeação depois de “The Sopranos” e “Nurse Jackie”.

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– Laura Dern (“The Tale“)

– Elisabeth Moss (“Top of the Lake: China Girl“)

– Jessica Biel (“The Sinner”)

– Michelle Dockery (“Godless“)

– Hayley Atwell (“Howards End”)

– Sarah Gadon (“Alias Grace“)

 

Catarina Fernandes




Melhor Ator numa Série Limitada/Telefilme

Existem muitas questões em torno desta categoria: será que Darren Criss seguirá os passos de Courtney B. Vance e Cuba Gooding Jr. com “American Crime Story”? Conseguirá Benedict Cumberbatch voltar à corrida? Será que Kyle MacLachlan voltará a ser nomeado por “Twin Peaks”, depois da série ter terminado em 1992?

Emmys 2018

Há muitas perguntas, mas também parece haver algumas certezas. O brilhante desempenho de Darren Criss em “Assassination of Gianni Versace” coloca-o entre os nomeados; Benedict Cumberbatch mostra em “Patrick Melrose” que não necessita de “Sherlock” para regressar à corrida e Kyle MacLachlan e voltará aos nomeados com a série de culto dos anos 90.

Outra certeza iminente é a quarta nomeação de Al Pacino aos Emmys com o filme da HBO “Paterno”. O canal norte-americano também poderá ter outro ator entre os indicados com Michael B. Jordan. O filme televisivo “Fahrenheit 451” conquistou reações mistas, mas o desempenho de Jordan não deixou confusão nos críticos. Outro nome que também não irá faltar na nomeação é Antonio Banderas. Na segunda temporada de “Genius”, o ator espanhol dá vida ao pintor Pablo Picasso.

Matthew Macfadyen poderá conquistar a sua primeira indicação com a adaptação de “Howards End“, no canal Starz. A AMC tem Jared Harris com “The Terror”, produzido por Ridley Scott, como possível candidato, enquanto a Netflix tem como nomeados prováveis Jesse Plemons, com “Black Mirror”, e Peter Sarsgaard, em “Wormwood”.

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– Darren Criss (“The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story”)

– Benedict Cumberbatch (“Patrick Melrose”)

– Kyle MacLachlan (“Twin Peaks”)

– Al Pacino (“Paterno”)

– Antonio Banderas (“Genius: Picasso”)

– Michael B. Jordan (“Fahrenheit 451”)

 

Catarina Fernandes




Melhor Série de Comédia

Sabemos que muitos antecipam a chegada dos Emmy Awards. E entendemos o porquê. Os guionistas, produtores, realizadores e os atores que entram em nossa casa todos os dias aguardam ansiosamente por saber se levam o prémio para casa. Mas, aqui entre nós, nem sempre os merecedores são os vencedores da noite. No entanto, em momento de antecipação, as apostas dos críticos não costumam falhar.

Emmys 2018

A categoria de Melhor Série de Comédia não costuma ser a mais antecipada da noite. No entanto, para aqueles que vivem as séries de comédia muitas vezes a injustiça instala-se no final da gala. A verdade é que, este prémio é, por norma, bem recebido e sempre com um discurso animado e divertido.

E se o ano passado foi “Veep” quem levou o prémio este ano os críticos andam um pouco divididos sobre quem deverá receber o prémio de Melhor Série de Comédia. A verdade é que a série já ganhou o prémio três anos seguidos. O mesmo acontece com “Modern Family” que foi a grande vencedora durante cinco anos seguidos. Os críticos acreditam que este ano as coisas vão mudar. E muitos apostam em séries como “Black-ish” uma vez que, a última vez que uma série de comédia com um protagonista afro-americano ganhou esta categoria foi no ano de 1985!

“Atlanta” tem surpreendido com críticas bastante positivas em relação à segunda temporada. Ainda na corrida podem estar séries como “GLOW” e “The Marvelous Mrs. Maisel”. As duas estiveram extremamente bem posicionadas no Screen Actors Guild e nos Globos de Ouro. Destaque ainda para a série de culto “Will & Grace”. A série já foi nomeada seis vezes no passado, tendo ganhou uma vez o prémio. Talvez por nostalgia, talvez não este pode ser mesmo o ano em que a nova e fantástica temporada de “Will & Grace” recebe outro prémio.

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– “The Marvelous Mrs. Maisel”

– “Atlanta

– “Black-ish”

– “Sillicon Valley”

– “GLOW

– “Better Things”

– “Will and Grace

 

Beatriz Monteiro




Melhor Atriz numa Série de Comédia

Pela primeira vez em seis edições, haverá uma nova vencedora do Emmy de Melhor Atriz numa série de comédia. “Veep” não terminou, mas à série da HBO está um ano em pausa, o que coloca Julia Louis-Dreyfusvai fora da corrida – mas a rainha dos Emmys (é a atriz com mais nomeações e vitórias desta categoria na história dos prémios).

Emmys 2018

Mas então, quem é que estará na disputa para o Emmys? Uma nomeada certa será Lily Tomlin, que já conta com três indicações graças à comédia “Grace and Frankie”. Tracee Ellis Ross também terá o seu lugar garantido, depois de duas nomeações seguidas com “Black-ish”. Com o mesmo número de indicações está Ellie Kemper. A protagonista de “Unbreakable Kimmy Schmidt” também poderá ser uma presença certa, uma vez que a série da Netflix está prestes a entrar na reta final.

Mas estas são apenas três possibilidades e todas elas já foram nomeadas no ano passado. Quem também foi indicada na edição anterior e tem forte possibilidade de voltar a estar presente na corrida são Allison Janney de “Mom” e Pamela Adlon com “Better Things”. Janney, que arrecadou o Óscar de Melhor Atriz Secundária, já venceu dois Emmys com a série da CBS, mas apenas no papel Secundário.

Se estas previsões se confirmarem, apenas resta um lugar para uma “cara nova” na categoria. O que será insuficiente para as protagonistas das novas comédias. Rachel Brosnahan está em alta com “The Marvelous Mrs. Maisel” e Alison Brie que está a criar bastante buzz com a segunda temporada de “GLOW“.

No entanto, a cada ano que passa, esta categoria torna-se mais restrita, deixando fora da corrida diversas atrizes que brilharam com os seus desempenhos, mas nunca conseguiram alcançar as nomeações. Tudo indica que este cenário voltará a acontecer. Rachel Bloom foi ignorada duas vezes por “Crazy Ex-Girlfriend” e Aya Cash três vezes com “You’re the Worst”. Também é provável que Kristen Bell volte a ser esquecida com a série “The Good Place”.

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– Rachel Brosnahan (“The Marvelous Mrs. Maisel”)

– Tracee Ellis Ross (“Black-ish”)

– Allison Janney (“Mom“)

– Alison Brie (“GLOW”)

– Lily Tomlin (“Grace and Frankie“)

– Pamela Adlon (“Better Things”)

 

Catarina Fernandes




Melhor Ator numa Série de Comédia

Numa categoria nivelada por cima, pode-se esperar um pouco de tudo nos nomeados de 2018 para melhor actor numa série de comédia: repetentes de qualidade, estreantes que impressionaram e regressos após hiatus pronunciados.

Emmys 2018

Na edição anterior, Donald Glover levou o Emmy para casa graças a “Atlanta”, série do FX que lhe valeu ainda um Emmy de realização, tendo as restantes nomeações ficado entregues aos seus colegas de profissão Anthony Anderson, Aziz Ansari, Zach Galifianakis, William H. Macy e Jeffrey Tambor. Ora, Glover, o homem dos sete ofícios, é novamente elegível (e porventura o principal favorito) tal como Anderson (“Black-ish”), Galifianakis (“Baskets”) e H. Macy (“Shameless”). Praticamente um dado adquirido será o ignorar de Jeffrey Tambor – nomeado nas últimas 3 edições – por parte da Academia, tendo o nome do actor de “Transparent” surgido na recente onda de casos de assédio sexual.

Juntando o facto de ter ganho em 2017 à honestidade e simplicidade que coloca no seu Earn Marks, à sua irreconhecível participação especial como Teddy Perkins e ao carácter pontual de realizador-argumentista numa série que nasceu na sua cabecinha visionária, Donald Glover está na pole position, elevando a fasquia na comédia. Antigo rosto do SNL, Bill Hader encontrou na série da HBO “Barry” (uma das boas surpresas de 2018) a oportunidade perfeita para vincar a sua amplitude como actor. Os Emmy Awards não têm a facilidade dos Globos de Ouro em destacar estreantes, mas o desempenho de Hader é verdadeiramente especial.

“Will and Grace” regressou depois de nos ter deixado em 2006 e “Curb Your Enthusiasm” pôs fim a um interregno que durava desde 2011. Com efeito, Eric McCormack e Larry David são por isso favoritos a surgir entre os nomeados, por força da nostalgia e do respeito pelo monumento de comédia que é o antigo parceiro criativo de Jerry Seinfeld.

Anthony Anderson e William H. Macy (4 edições consecutivas nomeado) podem imitar Donald Glover como repetentes na lista final, sem descurar as hipóteses de Zach Galifianakis. No entanto, o veterano Ted Danson (“The Good Place”) está à espreita. Num patamar abaixo, Tracy Morgan (“The Last O.G.”), John Goodman (“Roseanne”) e até o pequeno Iain Armitage (“Young Sheldon”).

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– Donald Glover (“Atlanta“)

– Bill Hader (“Barry”)

– Anthony Anderson (“Black-ish“)

– Larry David (“Curb Your Enthusiasm”)

– William H. Macy (“Shameless“)

– Eric McCormack (“Will and Grace”)

 

Miguel Pontares




Melhor Série Dramática

A categoria de Melhor Série Dramática é, por norma, a mais antecipada de todas as categorias dos Emmy Awards. No ano passado, a vencedora deste galardão foi a estreante “The Handmaid’s Tale”, tornando-se na primeira série produzida por um serviço de streaming a ganhar o Emmy de Melhor Série Dramática. Na altura, a série teve a vida ligeiramente facilitada, visto que não encontrou no grupo de nomeados a série, “Game of Thrones”. Mas este ano o caso muda de figura, pois a série da HBO já é elegível.

Emmys 2018

Para além destas duas séries, que serão de certeza absoluta nomeadas, temos ainda os nomeados do ano anterior, que poderão repetir o feito no dia 12 de julho. É o caso de “The Crown” e “Stranger Things”, da Netflix, que conseguiram manter a qualidade nas suas segundas temporadas. A outra aposta da HBO, “Westworld”, também será uma possível nomeada este ano, tal como em 2017. Nas nossas previsões, também incluímos o drama da NBC, “This Is Us”. A nossa última aposta para o grupo de nomeados é a série “The Americans”. A série marcou presença nesta categoria em 2016, mas o prémio foi entregue a “Game of Thrones”. Visto que a série exibiu a sua última temporada, o mínimo que a Academia pode fazer é nomeá-la novamente.

Better Call Saul” e “House of Cards” vão estar de fora este ano, visto que as novas temporadas não estreiam a tempo de ser elegíveis para a edição deste ano dos Emmys. Por último, relembramos novas séries que também têm alguma possibilidade de serem nomeadas. Embora, na nossa modesta opinião, isso seja pouco provável, tendo em conta o peso da concorrência. São elas: “The Good Doctor” (ABC), “Mindhunter” (Netflix), “Killing Eve” (BBC America) e “Ozark” (Netflix).

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– “The Handmaid’s Tale

– “Game of Thrones

– “This Is Us”

– “Westworld

– “The Crown”

– “Stranger Things

– “The Americans”

 

Filipa Machado




Melhor Atriz numa Série Dramática

As nomeações para Melhor Atriz numa Série Dramática não tem sido uma tarefa fácil de prever nas últimas edições dos Emmy. Existem muito boas candidatas, todas merecedoras de reconhecimento, mas apenas seis lugares. É possível que a lista não difira muito da de 2017, no entanto poderão existir algumas surpresas. As residentes Viola Davis (“How to Get Away With Murder”) e Keri Russell (“The Americans”) podem voltar a ganhar destaque, principalmente Russell que se encontra na última temporada de “The Americans”. Como também será bastante plausível, e com todo o mérito, teremos Elisabeth Moss novamente a liderar a corrida pelo seu desempenho na segunda temporada de “The Handmaid’s Tale”.

Emmys 2018

Ainda no campo das repetentes, é provável vermos Claire Foy. Tendo em conta que este será o último ano que atriz poderá ser elegível pelo seu papel em “The Crown”, é possível que ocupe um dos lugares na corrida. Evan Rachel Wood também poderá marcar presença nesta que será a 70ª edição dos Emmy Awards. Mas se vamos falar de “Westworld”, então Thandie Newton também deveria ser reconhecida, à semelhança do ano passado. Apesar de não estar no mesmo patamar que as atrizes que referimos até aqui, Mandy Moore continua a surgir como possível candidata no sucesso da NBC, “This Is Us”. Poderá ser uma das surpresas, que de certo agradará os fãs da série.

Em relação às novatas deste ano, talvez Maggie Gyllenhaal consiga uma nomeação com o seu papel em “The Deuce”, uma série sobre a altura em que a prostituição e a pornografia atingiram proporções desmedidas na cidade de Manhantan. Ainda assim, parece que Gyllenhaal poderá estar em risco face a Sandra Oh e Jodie Comer, cujos desempenhos em “Killing Eve” estão a receber críticas bastante posivitas. Laura Linney também poderá ser uma possível candidata devido à sua nomeação no Screen Actors Guild por “Ozark”. A série, que segue um consultor financeiro que se vê obrigado a realojar a sua família em Missouri Ozarks depois de um negócio com um cartel de droga ter corrido mal, tem vindo a gerar uma interessante corrente de comentários.

Se nos guiarmos pelo ponto de vista dos fãs, então poderíamos contar com a jovem Millie Bobby Brown (“Stranger Things”), e Mackenzie Davis (“Halt and Catch Fire”), nos primeiros lugares. O que lá está, dificilmente irá acontecer, mas não é impossível. A prestação de Brown na segunda temporada de “Stranger Things” foi, de facto, muito bem recebida.

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– Elisabeth Moss (“The Handmaid’s Tale)

– Viola Davis (“How to Get Away With Murder“)

– Keri Russell (“The Americans”)

– Claire Foy (“The Crown“)

– Sandra Oh (“Killing Eve”)

– Evan Rachel Wood (“Westworld”)

 

Inês Serra




Melhor Ator numa Série Dramática

Cada vez mais o mundo da televisão aposta em Dramas bem conseguidos, com uma história cativante e original e tramas complexos. Um dos ingredientes mais importantes para que uma produção possa ser bem-sucedida é o elenco e, por esse motivo, a categoria de “Melhor Ator em Série Dramática” divide sempre opiniões, devido a existir (e ainda bem) tantos bons candidatos ao prémio. As séries, essas, é que continuam a ser maioritariamente as que já conhecemos.

Emmys 2018

No último ano foi Sterling K. Brown que levou a estatueta para casa, pela sua soberba interpretação como Randall Pearson na série “This Is Us”. Pelo caminho deixou nomes de grande peso como Anthony Hopkins, em “Westworld”, Kevin Spacey em “House of Cards“, e até o colega de elenco Milo Ventimiglia.

E no dia 12 de julho, acreditamos que Brown irá repetir a nomeação pois a sua interpretação continua a estar nas bocas do mundo. Com ele, Milo Ventimiglia também deverá fazer parte da lista, continuando a ser as duas maiores caras masculinas do sucesso da série da NBC. Matthew Rhys de “The Americans” poderá também ser, novamente, nomeado. A grande novidade deste ano é “The Good Doctor”, série aclamada da ABC, e liderada por Freddie Highmore que deverá merecer uma nomeação pela revelação que tem mostrado ser ao dar vida a Shaun Murphy. Aparte a veterana “Game of Thrones”, “Westworld” lidera as visualizações da HBO, sendo as suas estrelas responsáveis por muito desse sucesso – e se, na primeira temporada, Anthony Hopkins era o nome mais sonante, no mais recente capítulo (e após uma das maiores revelações da série) é Jeffrey Wright quem tem estado na ribalta, devendo merecer também uma nomeação nos Emmys. A nossa última aposta é Jason Bateman, o cabecilha da nova “Ozark”, mais uma produção de sucesso da Netflix – começa a ser difícil escolher só dentro do serviço de streaming.

Este ano “Game of Thrones” está de volta à corrida, sendo pouco provável, no entanto, ter representantes nesta categoria devido à sua pluralidade de atores como tem vindo também a ser habitual; o mesmo se aplica a “Stranger Things”, onde as suas estrelas, apesar de talentosas, são jovens e não conseguiram ainda concorrer contra os grandes tubarões”. Surpresas podem, no entanto, acontecer.

As nossas apostas (sem ordem de preferência):

– Sterling K. Brown (“This Is Us”)

– Matthew Rhys (“The Americans”)

– Milo Ventimiglia (“This Is Us”)

– Freddie Highmore (“The Good Doctor”)

– Jason Bateman (“Ozark”)

– Jeffrey Wright (“Westworld”)

Ana Rodrigues

Concordas com as nossas escolhas?

Catarina Fernandes

Mestre em Ciências da Comunicação e fotógrafa amadora. Seriófila compulsiva e apaixonada por literatura, assim como pelo cinema e pela sua história. (Extremamente) Viciada em música e concertos.

Catarina Fernandes has 1078 posts and counting. See all posts by Catarina Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.