(Sandy) Alex G (foto de Tonje Thilesen)

(Sandy) Alex G lança “Gretel” e anuncia novo álbum

(Sandy) Alex G anuncia um novo disco para Setembro e presenteia-nos com o primeiro single, “Gretel”, uma regressão à sua sonoridade primitiva.

O cantautor e instrumentista Alex Giannascoli, mais conhecido no mundo da música por (Sandy) Alex G, anunciou o seu novo álbum de estúdio, acompanhado do single “Gretel”. House of Sugar, o nono disco do artista de Filadélfia (terceiro com a editora discográfica britânica Domino Recording Company), será lançado a 13 de Setembro de 2019.

Capa do álbum House of Sugar

House of Sugar sucede o criticamente aclamado Rocket (2017) e marca o regresso ao activo de (Sandy) Alex G, que iniciou a sua carreira musical com quatro projectos DIY divulgados no Bandcamp: Race (2010), Winner (2011), Rules (2012) e Trick (2012). Todavia, foi a sonoridade idiossincrática do seu álbum de estúdio DSU (2014), alicerçada na estética lo-fi, nos motivos de guitarra simultaneamente contagiantes e enigmáticos e nas influências de música electrónica, que lhe garantiu a merecida atenção da crítica e um obsessivo culto de seguidores.

(Sandy) Alex G começou a escrever as canções integrantes do alinhamento de House of Sugar no Outono de 2017. Contrariamente ao seu usual método de composição e gravação prolífico, desta vez o artista optou por seguir uma abordagem mais deliberada, concentrando-se num conjunto reduzido de canções  e trabalhando cada uma delas com maior acuidade e atenção ao detalhe do que nunca.

Lê Também:
Mês em Música | Playlist de Maio 2019

House of Sugar assinala também a mais recente colaboração entre (Sandy) Alex G e o engenheiro de som e baixista da banda de rock psicadélico Unknown Mortal Orchestra, Jacob Portrait. Após misturar Rocket (2017) e Beach Music (2015), Jacob Portrait foi convidado por (Sandy) Alex G para auxiliar na pós-produção de cada uma das densas, multifacetadas faixas de House of Sugar. O novo disco, fruto de ponderação e planeamento prolongado, emerge como o trabalho mais meticuloso e consistente de (Sandy) Alex G até agora: uma demonstração da sua vocação inata tanto para idealizar melodias cativantes, como texturas musicais camaleónicas, sem nunca perder a audácia sónica que tão bem define o seu produto artístico.

O título de “Gretel”, single inaugural de House of Sugar, alude ao célebre conto de fadas dos irmãos Grimm e à respectiva retratação da perdição provocada pela avidez. (Sandy) Alex G assume o papel de narrador moralmente correcto e serve-se de um conto edificante para fortalecer uma já intrínseca atmosfera de procura pelo bem comum, redenção e o valor e a virtude de heróis improváveis. Em “Gretel”, (Sandy) Alex G retorna à distinguível sonoridade dos seus primeiros discos, sendo atribuída à guitarra acústica uma posição de destaque na mistura da canção, suportada pelo som metálico do piano e um retumbante baixo eléctrico.

As melodias vocais introdutórias e a técnica do pitch-shift auxiliam na instantânea concepção de um universo hipnótico, que balanceia entre uma incessante sensação de nostalgia artificial e o bizarro, desconfortável pressentimento de que escutamos uma composição musical à qual não deveríamos ter acesso, privativa e hermética. Porém, quando alcançamos o refrão e absorvemos as palavras insolitamente cristalinas de (Sandy) Alex G (“I don’t wanna go back/ Nobody’s gonna push me off track”), escoltadas por um um dos ganchos mais aprazíveis do ano, vemo-nos finalmente resguardados por uma onda de tranquilidade… e a certeza de que House of Sugar será um disco memorável.

(SANDY) ALEX G, HOUSE OF SUGAR | “GRETEL”

HOUSE OF SUGAR | ALINHAMENTO

  1. Walk Away
  2. Hope
  3. Southern Sky
  4. Gretel
  5. Taking
  6. Near
  7. Project 2
  8. Bad Man
  9. Sugar
  10. In My Arms
  11. Cow
  12. Crime
  13. SugarHouse (Live)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *