© Vahan Stepanyan via ShutterStock (ID: 377356300)

Os sete minutos que valeram 50 milhões de dólares a Johnny Depp

Johnny Depp é um dos atores mais reconhecidos de sempre. Neste icónico filme, o ator recebeu uma fortuna por apenas sete minutos de trabalho.

Os últimos anos foram bastante atribulados para Johnny Depp. Um casamento de 15 meses com a atriz Amber Heard e que terminou em divórcio em 2016 mancharam a carreira do ator norte-americano.

Do dia para a noite, após um polémico texto de Amber Heard publicado no Washington Post, o ator ficou quase sem trabalho, inclusive, foi “expulso” das sagas “Piratas das Caraíbas” e “Monstros Fantásticos“. Com este difamatório artigo (apesar de não mencionar o nome do ator, estava claro de quem se tratava), Johnny Depp perdeu vários papéis importantes.

Lê Também:   “This is some La La Land sh..t”: Emma Stone descobriu o ex-namorado Andrew Garfiled na premiere do seu filme “Poor Things”

De forma a repor a justiça e limpar o seu nome, o ator avançou para os tribunais, num dos casos mais mediáticos dos últimos anos. Com transmissão ao vivo, o caso teve um pouco de tudo, com reviravoltas, digno de um filme de Hollywood. No final, Johnny Depp limpou o seu nome, com três acusações decididas a seu favor e apenas uma a favor da atriz. Amber Heard teve de pagar uma indemnização de 10 milhões de dólares ao ator.

De volta ao trabalho, com o seu mais recente filme “Jeanne du Barry – A Favorita do Rei”, há outra notícia que circula sobre o possível regresso do ator à saga que o eternizou como o Capitão Jack Sparrow. Circulam rumores que dão conta que o ator de 60 anos terá aceite mais de 300 milhões de dólares para trabalhar no próximo filme da saga.

Lê Também:   As “abreviaturas” mais pesquisadas em Portugal em 2023 (algumas surpreendentes)

Até que seja confirmado, recordamos outra situação idêntica, em que Johnny Depp recebeu uma autêntica fortuna (50 milhões de dólares) por apenas sete minutos de trabalho.


UM VALOR ASTRONÓMICO

Alice no País das Maravilhas Johnny Depp fortuna
Photo by Film Frames – © Disney Enterprises, Inc. All Rights Reserved.

Do visionário Tim Burton, conhecido por realizar “Beetlejuice” e produzir “Nightmare Before Christmas”, a adaptação do clássico literário de Lewis Carroll, “Alice no País das Maravilhas”, teve no elenco, ao interpretar o Chapeleiro, o icónico Johnny Depp.

Para interpretar esta personagem ,e por apenas 7 minutos, o ator norte-americano recebeu 50 milhões de dólares.

Lê Também:   PJ Harvey acaba de disponibilizar gratuitamente o seu mais recente concerto

No auge da sua carreira, estima-se que o ator acumulou uma fortuna de 600 milhões dólares. Em 2010, quando ainda “gozava” de uma notória visibilidade ,e apesar dos sete minutos que apareceu no filme, Johnny Depp foi utilizado sobretudo como manobra de marketing, com a sua cara em todos os cartazes.

Johnny Depp
Crédito editorial: Featureflash Photo Agency / Shutterstock.com

A sétima colaboração, até então, entre Tim Burton e Johnny Depp, apesar do custo, valeu ,e muito, no final de contas.

Lê Também:   Depois dos Pearl Jam e Sum 41, acaba de chegar mais um nome de peso ao cartaz do NOS Alive 2024

Com pouco mais de mil milhões de dólares na bilheteira, foi o segundo filme mais lucrativo de 2010, apenas ultrapassado por “Toy Story 3“, por uns “meros” 40 milhões de dólares.

TRAILER | JOHNNY DEPP LEVOU ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS AO SUCESSO

Qual é o teu trabalho favorito do ator?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *