© Daedelic Entertainment

The Lord of the Rings: Gollum recebe primeiro trailer

O próximo jogo do universo de J. R. R. Tolkien tem o olhar dos curiosos. O primeiro teaser de “The Lord of the Rings: Gollum” mostra-nos Mordor.

Desta vez, foi a IGN que apresentou, exclusivamente, o primeiro trailer do antecipado jogo da Daedalic Entertainment, que é descrito como uma mistura entre a acção e furtividade de “Prince of Persia” com uma narrativa ramificada e uma expansão das pistas deixadas por Tolkien sobre a criatura outrora conhecida como Sméagol.

Ainda não está na hora de vermos gameplay do título prometido para a nova geração em 2021, mas os criadores partilharam com a IGN a sua visão do projecto, desde as misturas de acção e furtividade com narrativa interactiva, à forma como estão a expandir a ficção original de J. R. R. Tolkien e os motivos criados que o complexo personagem seja um com o qual os jogadores quererão, de facto, jogar.

Lê Também:
Jogos a não perder em Agosto de 2020

O trailer em si revela pouco num primeiro olhar, com música característica da que já ouvimos na trilogia “The Lord of the Rings“, e Gollum a surgir de uma caverna para contemplar os fogos de Mordor, mais precisamente o vulcão Mount Doom e a torre de Barad-dûr, onde se encontra o icónico “olho” de Sauron.

Alguns detalhes acerca do título já tinham sido revelados anteriormente. Na verdade, “The Lord of the Rings: Gollum” traz uma visão única da transformação de Sméagol, sendo que as escolhas na narrativa serão influenciadas pela dualidade de personagens. Smeágol e Gollum estarão a lutar pelo controlo frequentemente.

The Lord of the Rings: Gollum - Gollum
© Daedelic Entertainment

O complicado personagem já teve a sua presença na série “Middle-Earth” e talvez não fosse a primeira escolha para protagonizar uma nova aventura na Terra-Média, mas a equipa da Daedalic quis apresentar uma versão de Gollum que envolvesse os jogadores e mostrasse os lados dele com os quais se poderão identificar.

A história começa em paralelo com o primeiro livro, onde Frodo ainda está no Shire e não tem conhecimento de nada. Gollum aventura-se por Mordor na sua procura por Bilbo Baggins e o Anel, quando é apanhado pelos servos de Sauron.

Além de escapar das garras deles, o seu propósito será sempre encontrar o seu precioso anel. Inesperadamente, o seu lado Sméagol emerge de novo, causando problemas e distracções. Haverá novos objectivos que entram em conflito com os de Gollum, ainda por revelar.

The Lord of the Rings: Gollum - Spiders
© Daedelic Entertainment

A capacidade de agir de forma furtiva ou subir verticalmente qualquer obstáculo no jogo, demonstram por que é que Gollum é um dos personagens mais resilientes da Terra-Média.

Não será comum ver combate, pois a tendência será abordar os inimigos de forma a que não se apercebam da sua presença. No entanto, todos os encontros, mesmo que furtivos, terão de ser pensados cuidadosamente. Haverá várias formas de evitar a abordagem directa, utilizando itens ao dispor, perigos ambientais ou até novos amigos. Amigos esses que, de acordo com Tilman Schanen, líder de design da narrativa, poderão por vezes consistir em caras familiares.

Na verdade, até a dupla-personalidade terá influência nestas abordagens, desde as animações, som, situações na jogabilidade e diálogo.

The Lord of the Rings: Gollum - Stealth
© Daedelic Entertainment

Quanto à fidelidade em relação ao trabalho de Tolkien, parece não haver motivos para preocupação da parte dos fãs. O jogo tem lugar antes dos eventos dos livros de “The Lord of the Rings, portanto, Gollum terá o seu destino traçado, mas é o caminho que pode mudar consoante a escolha dos jogadores.

Dentro de alguns limites que definem a história da Terra-Média como a conhecemos, caberá aos jogadores tomar decisões que possam afectar, por exemplo, NPCs. Algumas serão sem importância e outras poderão ter um impacto maior.

The Lord of the Rings: Gollum - Mordor
© Daedelic Entertainment

A Terra-Média de “The Lord of the Rings: Gollum” será um pouco diferente do que vimos nos títulos “Middle-Earth” da Monolith Productions. O jogo da Daedalic terá um mundo-aberto, estruturado em conjuntos de níveis e zonas. Por exemplo, poderá haver zonas bloqueadas até o jogador descobrir o seu caminho, como é o caso das prisões da torre de Barad-dûr. Alguns locais serão completamente abertos e podem ser explorados de forma livre, enquanto outros serão mais lineares, embora com rotas alternativas consoante o método de cada jogador. É uma mistura de pensamento estratégico com resolução de problemas ou habilidades de plataformas. Esta última é destacada pela Daedalic, por exibir as capacidades do personagem, bem como proporcionar vistas épicas.

O aspecto visual foi inspirado por muitos dos desenhos do próprio J. R. R. Tolkien, mas os filmes de Peter Jackson define o que muitos vêem como a Terra-Média, tendo também um papel a desempenhar naquilo que se pode esperar ver no jogo. O estúdio utilizará também o seu próprio estilo e interpretação para contar a sua visão da história.

Desde o anúncio deste projecto, a Daedalic Entertainment garantiu ter cuidado com a obra de Tolkien, construindo o seu jogo com a Middle-earth Enterprises por perto. A liberdade para construir a sua própria versão dos acontecimentos vem da falta de notas do escritor em relação ao personagem nos eventos pré-livros.

“The Lord of the Rings: Gollum” está previsto lançar em 2021 para PC, PlayStation 5 e Xbox Series X.

TRAILER | TEASER OFICIAL DE “THE LORD OF THE RINGS: GOLLUM”

O que estás a achar deste projecto? És fã do universo da Terra-Média de Tolkien?

Catarina Ferreira

Sempre tive desejo inato de expressar a minha criatividade, tendo envergado pelas artes nos estudos e nos tempos livres, como pintura, desenho, fotografia ou arte digital. Os videojogos também me acompanharam desde cedo. Halo foi o que me trouxe à Xbox, onde acabei por criar os Xbox PT Dummies. Não sou fã de guerras de consolas e acredito que todos têm o dever de ser felizes onde entenderem. Podem ver as minhas opiniões (não) populares no Twitter.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *