Yuh-Jung Youn em "Minari" © A24

Yuh-Jung Youn é a primeira coreana a ganhar um Óscar de interpretação

A atriz Yuh-Jung Youn fez história na passada madrugada ao ter sido a primeira pessoa de nacionalidade sul-coreana a vencer um Óscar numa das quatro categorias referentes a interpretação.

Já a nomeação de Yuh-Jung Youn para o Óscar de Melhor Atriz Secundária nesta 93ª edição dos Óscares da Academia tinha sido um marco importante – nunca antes uma atriz sul-coreana fora nomeada para esta categoria, na qual estavam também Amanda Seyfried (“Mank”), Glenn Close (“Lamento de Uma América em Ruínas“), Maria Bakalova (“Borat Subsequent Movie Film”) e Olivia Colman (“O Pai”). Apesar desse feito, a veterana de 73 anos foi ainda mais longe e, pelo seu papel em “Minari“, acabou mesmo por levar para casa a tão cobiçada estatueta dourada.

Minari, em análise | LÊ AQUI

Num dos mais divertidos discursos destes Óscares 2021, Youn começou por questionar Brad Pitt, cuja produtora Plan B esteve por trás de “Minari“. “Onde é que estavas enquanto nós filmávamos em Tulsa?”, perguntou a atriz, despertando risos entre aqueles que assistiam. Visivelmente surpreendida pela vitória (“Não acredito que estou aqui. Okay, tenho que me recompor”), Yuh-Jung Youn agradeceu aos membros da Academia e a Lee Isaac Chung, deixando ainda uma mensagem de que todos os nomeados são vencedores e que não deve haver competição entre estes.

Yuh-Jung Youn | Vê a reacção da atriz nos bastidores dos Óscares

Após o sucesso de “Parasitas” (2019), a Coreia do Sul continua assim a ganhar mais importância entre os membros da Academia. No entanto, o sucesso não é nada de novo para Yuh-Jung Youn. A trabalhar na indústria desde os anos setenta e com uma anterior introdução ao público americano com o seu papel na série “Sense8”, Yuh-Jung Youn já havia ganho o prémio de Melhor Atriz Secundária por duas vezes nos Korean Film Awards e foi por uma vez a vencedora do galardão de Melhor Atriz nos Blue Dragon Film Awards.

Aos 73 anos e 310 dias de idade, Yuh-Jung Youn é também a terceira atriz mais velha a vencer o Óscar de Melhor Atriz Secundária, depois de Josephine Hull, vencera do Óscar por “Harvey” (1950) com 74 anos e 85 dias de idade e Peggy Ashcroft, a mais velha vencedora com 77 anos and 93 dias de idade pelo filme “Passagem para a Índia” (1984). A mais velha nomeada continua a ser Gloria Stuart, por “Titanic” (1997) aos 87 anos e 221 dias de idade.

Ansiosos pela atriz de “Minari”? O filme de Lee Isaac Chung chega aos cinemas portuguesas no próximo mês de maio. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *