© Fred Duval via Shutterstock.com, ID 1968725890

Quando David Gilmour (Pink Floyd) apelidou Roger Waters de “baixista limitado”

O ódio de estimação entre Roger Waters e David Gilmour nunca vai desaparecer. Recorda as palavras do guitarrista ao baixista.

Sumário:

  • Fundados em 1965, os Pink Floyd marcaram as gerações dos futuros músicos;
  • Apesar do sucesso, a banda começou a desmoronar-se em 1979 com a saída de Richard Wright;
  • David Gilmour e Roger Waters, duas das mais importantes figuras da banda, nutrem de um ódio que ainda segue nos dias de hoje.
Lê Também:   Este inesquecível álbum dos Beatles deixou Paul McCartney muito "desagradado"

Nos meados da década de 60 do século passado, surgia uma das bandas mais importantes de sempre, os Pink Floyd. Detentores de vários êxitos como “Wish You Were Here”, “Comfortably Numb”, “Another Brick in the Wall”, a banda britânica continua a marcar gerações. No entanto, não terminaram da melhor maneira, com uma longa disputa entre Roger Waters e David Gilmour.

Apesar dos rumores de uma potencial reunião, dificilmente acontecerá, o conflito entre os dois músicos deverá ser para sempre. David Gilmour foi um dos maiores responsáveis dos sucessos da banda britânica levando o psicadelismo às massas. Aquando da separação, o guitarrista recorda as palavras que usou contra Roger Waters, em entrevista com a Musician.




O ódio continua

Roger Waters
© Ben Houdijk / ShutterStock

“Ele tinha desenvolvido o seu próprio estilo limitado ou muito simples. Nunca teve muita vontade de se aperfeiçoar como baixista e, em metade das vezes, era eu que tocava o baixo nos discos, porque tinha tendência para o fazer mais depressa. Voltando aos primeiros discos, pelo menos metade do baixo em todas as gravações era eu”, disse David Gilmour.

Lê Também:   Este catastrófico drama com Naomi Watts e Ewan McGregor acaba de chegar à Prime Video

Tão famoso como a própria banda, a separação da mesma e do conflito entre estes dois músicos mantém-se relevante, sobretudo tendo em conta o terrível feitio de Roger Waters, que o ano passado viu-se envolvido em várias polémicas por conta das suas posições políticas.

É de relembrar que David Gilmour anunciou um novo disco, o primeiro desde Rattle That Lock, lançado em 2015. Intitulado Luck and Strange será lançado no dia 6 de Setembro.

Dois génios com muito ódio à mistura, David Gilmour e Roger Waters não fazem as pazes

Qual é a tua posição? Qual é a tua música favorita da banda?



Também do teu Interesse:


About The Author


One thought on “Quando David Gilmour (Pink Floyd) apelidou Roger Waters de “baixista limitado”

  • Eh pá, terrível feitio devido às suas posições políticas? Deus nos acuda alguém ser contra o genocídio em Gaza cometido por Israel. Por alguma razão os Pink Floyd terminaram em 1994 com o lançamento do Division Bell: faltava o génio de Roger Waters, que foi quem saiu da banda em 1979 e não Richard Wright. O David Gilmour é um grande guitarrista e tem boa voz mas é uma nulidade enquanto pessoa. Prefiro o “mau feitio” de Roger Waters.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *