© IndieLisboa

IndieLisboa ’20 | Responsabilidad Empresarial

“Responsabilidad Empresarial”, de Jonathan Perel, é um documentário político oriundo da Argentina e que chega ao IndieLisboa em 2020 inserido na secção Silvestre. Esta obra , que se destacou nos Festivais Cinéma du Réel e Dokufest, recupera documentos da ditadura argentina e escândalos ignorados durante décadas. 

Lê Também:
IndieLisboa '20 | Silvestre Curtas 1, em análise

Jonathan Perel (“17 Monumentos”, “Toponimia”) realizou, escreveu, editou, produziu e foi inclusive responsável pelo som deste seu grande projeto. A longa-metragem exibiu já por duas vezes no IndieLisboa, no Cinema São Jorge, nos dias 25 e 28 de agosto. Recuperamos agora este projeto documental ambicioso para uma breve análise.

“Responsabilidade Empresarial por Crimes Contra a Humanidade e Repressão de Trabalhadores durante um Estado de Terrorismo” é um título de um livro a publicar pelo Ministério da Justiça e Direitos Humanos, livro que inspirou esta incisiva curta longa-metragem que ronda apenas 1h00 de duração mas recupera complexas questões relacionadas com a ditadura argentina vigente entre 1976 e 1983.

“Responsabilidad Empresarial” trata de uma temática bastante complexa, recuperando documentação que prova, de forma inequívoca, a culpabilidade de múltiplas empresas nacionais e internacionais que compactuaram com a repressão governamental denunciando e entregando os seus funcionários. Embora a temática seja eternamente pertinente e meritória, a verdade é que esta longa-metragem fica aquém das expectativas no que diz respeito à forma de representação escolhida.

Ao longo de cerca de 1 hora e 8 minutos, o filme assume uma estrutura monótona e repetitiva. Uma narração em off introduz todas as atrocidades, torturas e perseguição política à qual foram sujeitos dezenas de funcionários e funcionárias destas inúmeras empresas. Enquanto isso, entre cada separador, com o nome da empresa em questão, é-nos apresentado um único plano da fábrica onde os abusos ditatoriais foram perpetuados.

A esmagadora maioria dos planos são filmados à distância, a partir da estrada, e pouco mais nos permitem ver para além dos edifícios e alguns veículos passageiros na paisagem. Assim, “Responsabilidad Empresarial” é um excelente documento histórico, um filme relativamente satisfatório mas não podemos considerar que seja cinema, não verdadeiramente. Neste caso, o real é muito mais urgente e interessante do que a representação do mesmo e seria para nós suficiente ler o livro que inspirou a longa-metragem. O essencial, a história, ficaria connosco.

TRAILER | DOCUMENTÁRIO RESPONSABILIDAD EMPRESARIAL

O grande mérito do filme é basear-se num livro que nunca foi publicado e assim dá vida a uma história que merece ser recordada. Algumas das narrativas ao longo das empresas são mais gerais, outras mais particulares. Todas elas são atravessadas pelo peso da resistência ao sistema na vida do cidadão comum. Certas temáticas são transversais: muitos dos trabalhadores torturados e/ou assassinados pertenciam a associações sindicais, em muitos casos os seus dados pessoais foram revelados pelas próprias empresas, que na maioria dos casos viram um decréscimo de funcionários e um aparentemente incompatível aumento de produtividade e até lucro.

“Responsabilidad Empresarial” pode não ser arrojado esteticamente, mas é acima de tudo funcional. É capaz no seu esforço de revisitar e vasculhar um aparelho repressivo do Século XX. Perel expõe o passado e levanta questões acerca do presente e futuro, as quais se impõe perante a falta de transparência demonstrada. Este não é um filme que se entregue à forma ou inove nesse campo. Não obstante, sentimos que a missão está cumprida e o trabalho ainda não está, de todo, terminado.

Responsabilidad Empresarial, em análise
Responsabilidad Empresarial

Movie title: Responsabilidad Empresarial

Date published: 29 de August de 2020

Director(s): Jonathan Perel

Genre: Documentário

[ More ]

  • Maggie Silva - 70
70

Um resumo

“Responsabilidad Empresarial” subordina forma ao conteúdo. Apesar das suas imperfeições é um poderoso documento histórico filmado.

O MELHOR: O filme traz ao de cinema uma história aterradora de cooperação entre empresas, um governo repressivo e forças policiais corruptas. A obra revela dados escondidos e coloca questões acerca do presente e futuro.

O PIOR: Nada é particularmente cinematográfico em “Responsabilidad Empresarial”, uma sucessão de planos fixos e narração em off. É um documento vivo valioso que teria merecido uma abordagem visual mais arrojada e aventureira.

MS

Sending
User Review
0 (0 votes)
Comments Rating 0 (0 reviews)

Maggie Silva

Comunicadora de profissão e por natureza. Dependente de cultura pop, cinema indie e vítima da incessante necessidade de descobrir novas paixões. Campeã suprema do binge watch, sempre disposta a partilhar dois dedos de conversa sobre o último fenómeno a atacar o pequeno ou grande ecrã.

Maggie Silva has 492 posts and counting. See all posts by Maggie Silva

Leave a Reply

Sending