TÁR © Cinemundo

Corrida ao Óscar 2023 | Quem será a melhor atriz principal?

Uma das corridas ao Óscar mais concorridas desta temporada teve tiro de largada em fevereiro com a estreia de “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo.” Agora, a três meses das nomeações, a competição aquece.

Se o Festival de SXSW colocou o nome de Michelle Yeoh na corrida, o Festival de Veneza animou a competição com a vencedora da taça Volpi, Cate Blanchett em “Tár.” As duas estrelas de cinema em nada se assemelham, a não ser por protagonizarem dois dos principais filmes desta temporada. Yeoh, por um lado, com quatro décadas de carreira nunca foi nomeada ao Óscar apesar de papéis em “O Tigre e o Dragão” e “Asiáticos Ricos e Loucos.” Blanchett, por outro, é uma das favoritas da academia com sete nomeações e dois prémios por “O Aviador” e “Blue Jasmine.”

Não seria uma corrida ao Óscar de melhor atriz sem uma ingenue a cobiçar o dito galardão. Danielle Deadwyler por “Till” e Naomie Ackie por “I Wanna Dance with Somebody” são as estreantes melhor posicionadas, representado figuras históricas (Mamie Till e Whitney Houston respetivamente.) Deadwyler parece estar mais assegurada pois já obteve uma vitória nos Gotham e é um dos nomes mais falados, enquanto que Ackie ainda espera para ver o seu filme estrear. No entanto, Anthony McCarten, o guionista por traz de “I Wanna Dance with Somebody”,  já rendeu Óscares a três atores diferentes. Será Ackie a quarta?

Lê Também:
Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo, em análise
 

De entre as veteranas, Michelle Williams por “Os Fabelmans” está num provável rumo a uma quinta nomeação após uma arriscada troca de categoria. Outras, como as já vencedoras Viola Davis (“A Mulher Rei”) e Olivia Colman (“Império da Luz”), mantêm-se na corrida apesar de filmes menos destacáveis.

A grande incógnita neste momento é Margot Robbie. Possivelmente a mais popular e requisitada atriz de Hollywood, protagoniza a comédia de Damian Chazelle “Babylon.” Apesar da tépida crítica, não houve um jornalista que ousasse criticar a sua prestação.

As nossas previsões:

  • Naomie Ackie por “I Wanna Dance with Somebody.”
  • Cate Blanchett por “Tár.”
  • Danielle Deadwyler por “Till.”
  • Michelle Williams por “Os Fabelman.”
  • Michelle Yeoh por “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo.”

Outras possibilidades: Margot Robbie por “Babylon”, Viola Davis por “A Mulher Rei”, Olivia Colman por “Império da Luz”, Jennifer Lawrence por “Causeway” e Rooney Mara por “Women Talking”

TRAILER | VÊ CATE BLANCHETT NUM POSSÍVEL PAPEL DE ÓSCAR

Quem é a tua favorita este ano?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.