Keegan-Michael Key, "Schmigadoon" | © Apple TV

Wonka adiciona Keegan-Michael Key ao elenco

Willy Wonka vai voltar aos ecrãs, via Warner Bros. Com Timothée Chalamet no lugar de protagonista, descobre mais sobre a nova adaptação da história.

O que todos conhecemos é a história de Charlie e a Fábrica de Chocolate, mas neste novo projecto, “Wonka”, a Warner Bros. vai apresentar a origem da famosa personagem de Roald Dahl, Willy Wonka. Com um enredo que ainda está envolvido em mistério, e apenas com alguns nomes associados ao projecto, sabe-se no entanto que Wonka será uma personagem que canta e dança.

A primeira confirmação no elenco, e a que certamente levantava mais curiosidade, foi Timothée Chalamet; uma jovem estrela do momento, o actor foi escolhido para interpretar o jovem Willy Wonka em aventuras pré-abertura da mais famosa fábrica de chocolate. Agora, e ainda num papel por revelar, foi confirmado que Keegan-Michael Key também vai entrar no projecto.

Lê Também:
Os melhores 5 filmes de Tim Burton | Charlie e a Fábrica de Chocolate

“Wonka” será realizado por Paul King, com argumento que escreveu com Simon Farnaby (baseado em versões anteriores que contaram já com Simon Rich, Simon Stephenson, Jeff Nathanson e Steven Levenson); a produção fica a cargo de David Heyman, pela Heyday Films, e ainda Luke Kelly e Alexandra Derbyshire, com Michael Siegel como produtor executivo.

Timothée Chalamet segue assim as pisadas de Gene Wilder e Johnny Depp, que deram interpretações icónicas da personagem à história do cinema. O filme é também apenas o mais recente projecto referente ao universo de Willy Wonka – existem de momentos séries animadas na Netflix, contando um dos projectos com Taika Waititi. no entanto mais detalhes sobre estas séries ou sobre o seu enredo continuam um mistério.

TRAILER | O ÚLTIMO WILLY WONKA DO CINEMA

Face à última adaptação de Willy Wonka, de Tim Burton, justica-se uma nova?

Marta Kong Nunes

Arquitecta (com um c!) de formação. Coordenadora de profissão. Fanática de cinema e séries por pura paixão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *