Stephen Vaughan - © 2011 Twentieth Century Fox Film Corporation.

Este thriller de ficção científica com Amanda Seyfried e Cillian Murphy é atualmente o mais visto da Netflix

Há um Sci-Fi que tem feito as delícias dos assinantes e está, há já vários dias, nos lugares cimeiros da Netflix. 

Justin Timberlake e Amanda Seyfried brilham no catálogo da Netflix com um emocionante thriller de ficção científica que conquistou os corações dos assinantes um pouco por todo o mundo.

Recentemente, a plataforma de streaming atualizou o top 10 e este filme rapidamente conquistou o quarto lugar na lista de escolhas mais populares da semana. Porém, chegou mesmo a ocupar o último lugar do pódio.

In Time” estreou em 2011 e já é considerado um clássico moderno, com duas indicações em prestigiadas cerimónias de premiação. Realizado por Andrew Niccol, o filme é uma cativante combinação de ação futurista e romance. Além disso, tem no elenco alguns dos atores mais queridos da atualidade.




O ENREDO DO FILME

In Time netflix
Stephen Vaughan – © 2011 Twentieth Century Fox Film Corporation.

O enredo desenrola-se num futuro distópico, onde as pessoas param de envelhecer aos 25 anos, mas têm apenas mais um ano de vida.

Lê Também:   Esta série de uma das mais divertidas sagas está prestes a abandonar a Netflix

A capacidade de comprar mais tempo torna-se uma oportunidade para uma juventude eterna, desencadeando uma emocionante aventura repleta de reviravoltas e ação.

Este filme, que conta também com talentosos atores como Cillian Murphy, Olivia Wilde, Alex Pettyfer, Johnny Galecki e muitos outros, promete uma experiência cinematográfica única.

“In Time” é uma produção que continua a brilhar no ranking mundial da Netflix, atraindo tanto fãs de cinema de ficção científica como amantes de histórias de romance.




O QUE DIZ A CRÍTICA?

in time netflix
Stephen Vaughan – © 2011 Twentieth Century Fox Film Corporation.

O The Guardian avalia com três estrelas em cinco possíveis. “A alegoria anti-capitalista de Niccol é desajeitada, a sua premissa é densa, mas não deixa de ser uma brincadeira divertida que se destaca pela força do seu elenco. Como tal, vale a pena dedicar-lhe tempo.”

“A abordagem de Niccol é demasiado terra a terra e prosaica para que esse espírito se instale, quer na câmara, quer nos actores, que correm muito, mas nunca juntos de forma a transmitir a sua ligação resoluta. Uma banda sonora mais exaltada, ou mesmo delirante, também teria aumentado a parada”, escreve o The Hollywood Reporter.

Lê Também:   As melhores séries que chegam à Netflix em dezembro

Já o New York Times é mais duro nas críticas. “[…] depois as personagens abrem a boca e começam a falar de minutos e horas, relógios e relógios, e o seu tempo a esgotar-se e a não ter tempo suficiente e onde está o meu tempo, não desperdices o meu tempo, esse tempo vai matar-te, irmão, podes dispensar algum tempo porque, bem, já não tenho tempo.”

TRAILER | SCI-FI MAIS VISTO DA NETFLIX TEM ELENCO DE LUXO

Já conhecias este filme?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *