Damien Chazelle

Damien Chazelle encontra protagonistas de The Eddy

Damien Chazelle, vencedor do Óscar com “La La Land: Melodia de Amor”, irá produzir uma série original Netflix. Descobre de que se trata e quem já está no elenco.

Damien Chazelle, ao dia de hoje, é o cineasta mais jovem de sempre a ganhar o Globo de Ouro de Realização e o Óscar de Melhor Realizador, por aquele que foi o grande sucesso da sua carreira, “La La Land: Melodia de Amor“. No seu currículo no entanto, já se encontram outros títulos que captaram a atenção dos críticos e fãs, colocando-o nos nomes mais interessantes de Hollywood.

Agora, depois do galardoado “La La Land”, e de projectos como “Whiplash” e “O Primeiro Homem na Lua“, Chazelle decidiu enredar por outros géneros e irá ser produtor executivo de uma série original Netflix. Juntamente com Jack Thorne (“National Treasure” e “Wonder – Encantador”), está a reunir uma equipa de elite na produção para o seu primeiro projecto televisivo, exclusivo da plataforma de streaming.

Lê Também:
O vídeo comparativo dos musicais que inspiraram La La Land

O drama musical, “The Eddy”, da Endeavor Content, terá cerca de oito episódios. Os oito episódios serão realizados por diferentes cineastas estando desde já confirmado Chazelle, nos dois primeiros episódios, e Alan Poul (“Six Feet Under” e “The Newsroom”) para os dois últimos. A equipa de produção contará ainda com um vencedor de Grammys, Glen Ballard, responsável pela banda sonora da série.

Numa Paris contemporânea e multicultural, a história irá girar em torno de um clube de jazz, a cidade caótica onde está, e na vida do seu proprietário e da banda da casa.

O elenco da série não está fechado mas as estrelas principais já foram anunciadas. André Holland (“High Flying Bird” e “Moonlight“) foi o primeiro nome a juntar-se ao projecto musical. Holland será Elliot Udo, um famoso pianista de jazz em Nova Iorque que muda de vida e se torna co-proprietário de um clube de jazz em Paris, um clube em decadência. As suas relações pessoais são instáveis, principalmente a que tem a vocalista principal do clube. Quando a filha de 15 anos aparece de forma repentina, terá de aprender a amadurecer e a ser um pai.

Andre-Holland
Para além de protagonista, André Holland também será co-produtor executivo de “The Eddy”

A partilhar o ecrã com Holland, estará Joanna Kulig, a estrela de “Cold War – Guerra Fria“, que também esteve nomeado nos Óscares, para Melhor Filme Estrangeiro e Melhor Realizador. Com provas dadas que também tem talento musical, Kulig será Maja, uma das cantoras do clube de jazz de Udo. Apesar de talentosa, tem um vício pela bebida que a coloca em situações menos favoráveis. Tem uma relação próxima com Elliot Udo mas bastante instável.

Guerra Fria
Joanna Kulig já deu provas dos seus dotes musicais em “Cold War”, parecendo a escolha perfeita para o papel

Confirmando o que já tinha sido divulgado em 2017, a série será filmada em França, e terá diálogos em francês, inglês e árabe. O início da produção está para breve mas ainda não é conhecida uma data para a estreia.

És fã de séries musicais?

Marta Kong Nunes

Arquitecta (com um c!) de formação. Coordenadora de profissão. Fanática de cinema e séries por pura paixão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *