© Dino De Laurentiis Company

Kyle MacLachlan, o protagonista da primeira adaptação de Dune, comenta o novo filme de Denis Villeneuve

“Dune 2” está a conquistar todos os cinemas, e o protagonista do filme original de 1984 falou sobre a adaptação de Denis Villeneuve.

A sequela do filme de 2021 superou todas as expectativas – financeiramente e na crítica. A começar pelos números, “Dune 2”, até ao início do mês, tinha acumulado perto de 600 milhões de dólares em bilheteira.

Lê Também:   Estes são os grandes nomeados para os Play - Prémios da Música Portuguesa 2024

Em comparação ao primeiro filme, a bilheteira aumentou cerca de 30% – dos 400 para os 600 milhões de dólares. A crítica também melhorou significativamente – o primeiro filme obteve 83% de classificação enquanto que a sequela conseguiu 93%, segundo o agregador de críticas Rotten Tomatoes. Aproveitando a estadia de “Dune 2” nos cinemas, Kyle MacLachlan, o protagonista do filme original de 1984, falou em exclusivo com a ScreenRant sobre a sequela de Denis Villeneuve.

Lê Também:   Eurovisão: Olly Alexander, representante do Reino Unido, envolvido em polémica a 1 mês do início do festival

De forma breve mas feliz, o ator disse, “ainda não o vi. Estou ansioso por ver a continuação da história e ver como é que eles a vão tratar. Sim, gosto imenso do livro Dune. Por isso, qualquer oportunidade de ver a história revisitada deixa-me feliz.


O FILME DE 1984 FOI UM FRACASSO

Dune 1984 Classic Fever Corpo
Dune © 1984 Universal

A versão de David Lynch foi um fracasso financeiro – com um orçamento de 40 milhões de dólares, só faturou cerca de 30 milhões de dólares na bilheteira. O mesmo acontece na crítica, com um resultado muito baixo, apenas 37% de classificação no Rotten Tomatoes. Ou seja, muito abaixo dos dois filmes de Denis Villeneuve. Mesmo assim a obra de 1984 foi nomeada para um Óscar, na categoria de Melhor Som.

Lê Também:   Estas são as grandes séries e filmes a estrear em Abril na Apple TV+

“Dune 2” continua a fazer sucesso nos cinemas, mas pelo meio surgem as primeiras histórias sobre as filmagens do filme. Numa entrevista com a Collider, Florence Pugh revela que sentiu um enorme stress no primeiro dia de filmagens, isto porque ia abrir o filme, era a primeira pessoa a entrar em cena – “Ena, é intenso saber que isto vai abrir o filme. Então, isso foi uma grande pressão”.

TRAILER | KYLE MACLACHLAN ADORA A SAGA DE DUNE

Viste este filme de 1984? Leste os livros?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *