Interpol (foto de Jamie-James Medina)

Nos Primavera Sound 2019 | 15 razões porque vamos

Há festivais de todas as formas e feitios, mas a única razão para lá pôr os pés são os ouvidos. Aqui estão os 15 concertos que nos levam ao Nos Primavera Sound de 2019.

1 de 17
Nos Primavera Sound 2019
Recinto do Nos Primavera Sound, no Parque da Cidade do Porto

Bem sabemos que um festival não é só a música que nele se ouve. É também tudo o que ouvimos na música e tudo o que ajuda a ouvir a música. Entre a beleza natural do Parque da Cidade e do mar que o ladeia, a saborosa comida típica das tendas, as múltiplas instalações de apoio e a organização segura e eficiente, o Nos Primavera Sound oferece condições de descanso que poupam ao corpo as agruras de três dias intensos e permitem à mente concentrar-se no essencial. Nisto, o grande festival da Invicta permanece imbatível, até mesmo pelo mais icónico e castiço Vodafone Paredes de Coura (outra predilecção da nossa equipa).

Lê Também:
Os 25 Melhores Álbuns de 2018

Quanto ao que se ouvirá na música, isso é da jurisdição de cada espectador e haveremos de fazer uso dos nossos direitos, com toda a desfaçatez, sem remorsos, uma vez lá. O conceito que levou este ano à selecção de artistas talvez deixe um pouco a desejar. Afinal, o estabelecimento a priori de cotas faz entrar outros critérios que não o de mérito artístico, que não olha a estatuto, etnia ou género. Mas, para felicidade nossa, estes são tempos onde o talento abunda e um pouco por todo o lado, transcendendo grelhas que reduzem pessoas a um qualquer predicado seu. Nós não fizemos contas a não ser de 1 a 15, para listar os concertos que nos dão 15 razões artísticas para, uma vez mais, nos irmos sentar na relva ou (porque não?) colar às grades do Nos Primavera Sound.

1 de 17

Maria Pacheco de Amorim

Literatura, cinema, música e teoria da arte. Todas estas coisas me interessam, algumas delas ensino. Sou bastante omnívora nos meus gostos, mas não tanto que alguma vez vejam "Justin Bieber" escrito num texto meu (para além deste).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *