© Disney+

O concerto de Paris revela novidades sobre a vinda de Taylor Swift a Portugal

Taylor Swift, a mega estrela da pop do aqui e agora, chega ao Estádio da Luz nos dias 24 e 25 de maio de 2024. Esta será a sua primeira passagem por Portugal. A digressão retomou em Paris na última semana. O que podemos esperar em termos de mudanças ao alinhamento (e muito mais)? 

Nota: Este artigo contém informação concreta acerca do novo alinhamento da “The Eras Tour”, que chega a Portugal no final da próxima semana.

Sumário:

  • Depois de um concerto no NOS Alive cancelado devido à pandemia de COVID-19, Taylor Swift vai finalmente chegar a Portugal para dois concertos em solo nacional. A sua estreia acontece no Estádio da Luz a 24 e 25 de maio;
  • Os concertos, há muito esgotados, terão direito a primeira parte dos também norte-americanos Paramore e uma extensão prevista de cerca de 3.5 horas;
  • O alinhamento do espetáculo manteve-se praticamente inalterado nas primeiras 80 datas da digressão, mas com o lançamento de “The Tortured Poets Department”, 11.º disco de originais, tudo mudou. Existe um novo set a ter em conta, com 7 novas performances ao vivo a descobrir só na digressão europeia da “The Eras Tour”.

Lê Também:   Taylor Swift: The Eras Tour (Taylor's Version) | O ranking de todas as eras presentes no filme

Taylor Swift in Taylor Swift: The Eras Tour (2023) poluição namorado elvis presley recorde billboard 200
©Taylor Swift/ AMC Theatres

The Eras Tour na Europa: Taylor Swift chega com muitas novidades

Taylor Swift está, de momento, na nova fase da sua digressão “The Eras Tour”, que não só é a maior e mais povoada de datas de toda a sua carreira, como a mais lucrativa da história dos espetáculos ao vivo, capaz de revitalizar economias e gerando uma faturação superior ao PIB de inúmeros países.

Ao todo, são mais de 150 datas, e neste momento Swift aproxima-se do marco dos 90 espetáculos. Mas depois de muita especulação, a chegada a Paris, primeira paragem da digressão na Europa, permitiu-nos constatar alterações significativas à setlist. Isto quando comparada à lista de canções interpretadas nos concertos da América do Norte, Sul, Ásia e Austrália.

Lê Também:   Taylor Swift: The Eras Tour (Taylor's Version) | O ranking de todas as eras presentes no filme

Com o lançamento de “The Tortured Poets Department”, 11.º disco de originais da sua carreira (sem contar regravações de álbuns prévios), Taylor Swift introduziu um novo set de 7 canções na sua apresentação ao vivo. E que conjunto de canções!

A cantora declarou já que os supostos dois meses de pausa na digressão não foram passados a descansar de todo, mas antes a preparar em segredo as novas adições ao alinhamento, fazendo com que o público europeu tenha a sorte de ouvir, nesta tour de retrospetiva de carreira, um conjunto adicional de canções (as quais não estão presentes no filme-concerto da “The Eras Tour” disponível para streaming na Disney+).




As adições Tortured Poets Department nesta Eras Tour

“The Tortured Poets Department” (TTPD) marca o regresso de Taylor Swift às narrativas auto-biográficas em pleno. Depois do final de uma relação longa com o ator Joe Alwyn e de um conturbado romance curto com o cantor Matty Healy, Swift utiliza as 31 canções (!!) de TTPD para purgar os seus demónios e inseguranças, num movimento que um crítico descreveu como um exercício direto de “mente para caneta”, observação com a qual concordamos amplamente.

O novo disco de originais é combativo, desencantado, melancólico e por várias vezes zangado e mordaz. A seleção de sete músicas que integram o novo espetáculo refletem vários estados de espírito, mas maioritariamente raiva, com Taylor Swift a intitulá-lo, no decurso de um dos concertos parisienses, como “Female Rage: The Musical”. Com uma estética coesa e vocais pujantes, podemos contar ouvir as seguintes canções no set TTPD (7 no impressionante número de 45 canções ao longo de todo o concerto):

  1. But Daddy I Love Him
  2. So High School (encurtada)
  3. Who’s Afraid of Little Old Me? (encurtada)
  4. Down Bad (encurtada)
  5. Fortnight (single de lançamento do álbum, ft. Post Malone)
  6. The Smallest Man Who Ever Lived
  7. I Can Do It With a Broken Heart

Porquê “Female Rage: The Musical”? A nova seleção de canções apresentada por Taylor Swift, dividindo agora o concerto em 12 partes (11 álbuns e as habituais canções surpresa da noite ao piano e guitarra acústica), é apresentada com grande poder e com uma raiva latente que ameaça devorar tudo. Taylor dança, canta, grita, levita pelo palco, deita-se desesperadamente depois de marchar com uma banda de tambores e dá-nos até o vislumbre de um pequeno número burlesco. Há de tudo no inspirado novo momento do concerto que chega agora à Europa!

O que é que Taylor Swift cortou para criar o novo set

Folklore eras tour filme
©Disney+

Não há milagres! O alinhamento da Eras Tour já era massivo e muito mais longo que a média expectável num concerto pop. Ora, com a chegada de mais um álbum, algumas canções tiveram de dar lugar aos novos momentos musicais. Mas prometemos que estes sacrifícios irão valer a pena. Aqui ficam as canções perdidas e que podemos sempre recordar através do filme na Disney+:

  • Set do álbum Lover – “The Archer”: adeus à canção bela que costumava fechar esta parte do concerto, que encerra agora com a canção titular “Lover”;
  • Set do álbum Speak Now – “Long Live”, a canção que Taylor Swift dedica aos seus fãs, foi acrescentada ao alinhamento quando “Speak Now TV” foi lançado e persistiu durante meses no alinhamento. Infelizmente agora já não consta, mas uma das iniciativas de fãs para o concerto é berrar a canção a altos pulmões uma vez terminado o concerto. Não te esqueças;
  • Sets do álbum Folklore e Evermore – Esta foi a mudança mais significativa. “Folklore” e “Evermore”, os belos álbuns “irmãos” compostos durante a pandemia tinham cada um o seu set bastante longo na The Eras Tour. “Evermore” surgia no início do concerto e agora fica para mais tarde, em conjunto com “Folklore”. Em “Folklore” perdemos as prestações de “The 1” e “The Great American Dynasty”. Em “Evermore”, “Tolerate it” e “Tis’ The Same Season” despedem-se da lista de canções cantadas. Os favoritos de fãs, como a bridge de “Illicit Affairs”, “Cardigan” ou “Champagne Problems” persistem.



SeeTickets e bilhetes para Lisboa: Em que ponto estamos

Eras 2023 Taylor swift
©Taylor Swift/ AMC Theaters

Boas novas! Depois de amplas reclamações, os bilhetes para os concertos de dia 24 e 25 de maio , no Estádio da Luz, já estão disponíveis nas contas da SeeTickets respetivas de quem marcará presença.

Lê Também:   Sin City: Mulher Fatal, em análise

Mais, em tempos anunciado como inativo para estes eventos, felizmente o Mercado Fan to Fan voltou a ficar ativo. O que significa? Que os e as fãs de Taylor Swift têm uma forma segura de revender, sem inflação, os seus bilhetes para os concertos da próxima semana. Mantém a atenção. Se ainda não tens bilhete, a qualquer altura poderá aparecer na bilheteira oficial ou Fan to Fan.

The Eras Tour na Disney+ | Já viste o megalómano filme concerto de Taylor Swift?

Taylor Swift chega ao Estádio da Luz já nos próximos dias 24 e 25 de maio, sexta e sábado, daqui a pouco mais de uma semana. Na próxima semana traremos informações essenciais sobre bilhetes, horários e acessibilidades! 



Também do teu Interesse:


About The Author


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *