© 2011 - Lionsgate

É oficial: Hunger Games prepara regresso a Panem com novo livro de Suzenne Collins

Suzanne Collins está a preparar o quinto livro da saga Hunger Games que promete o regresso de uma personagem da trilogia original muito popular.

A saga Hunger Games tem dado muito que falar desde a sua estreia em 2008, onde deu a conhecer um mundo distópico onde uma jovem adolescente se vê forçada a entrar nos Jogos da Fome, uma competição anual que reúne 24 tributos, 1 homem e 1 mulher de cada um dos 12 distritos de Panem para uma luta violenta até à morte. A trilogia original introduziu-nos a Katniss Everdeen e a um conjunto de outras personagens coloridas e carismáticas, que fizeram a regalia dos fãs ao longo das três obras publicadas.

Lê Também:   Há 10 adaptações literárias a chegar ao teu ecrã que não vais querer perder

Em 2012 os filmes foram adaptados ao grande ecrã, produzindo 4 longas-metragens com base na trilogia literária, a realização esteve a cargo de Gary Ross no primeiro filme, enquanto que Francis Lawrence completou a quadrologia. O elenco da adaptação testemunhou a origem de diversas estrelas de renome, como Jennifer Lawrence (“Tudo na Boa!“), Josh Hutcherson (“Five Nights At Freddy’s“), Liam Hemsworth (“The Witcher“) e Amandla Stenberg (“A Acólita“), para além da participação de diversos veteranos de Hollywood como Woody Harrelson (“True Detective“), Lenny Kravitz, Stanley Tucci (“The King’s Man: O Início“), Donald Sutherland (“The Undoing“) e Julianne Moore (“Mary & George“).

the hunger games top franchises
Jennifer Lawrence em “The Hunger Games: Os Jogos da Fome” |©Lionsgate/ Pris Audiovisuais

Em 2020 os espectadores tiveram a oportunidade de testemunhar o regresso a Panem com uma prequela, que marcou a primeira história da saga em 10 anos. “A Balada dos Pássaros e das Serpentes” contou a história de origem do infame Presidente Snow e foi um sucesso entre os fãs deste mundo distópico, o que levou à sua adaptação ao cinema em 2023, protagonizada por Tom Blyth (“The Gilded Age“) e Rachel Zegler (“West Side Story“).


O Regresso a Hunger Games

ennifer Lawrence em Hunger Games- A Revolta Parte 1 (2014)
Jennifer Lawrence em “The Hunger Games: A Revolta -Parte 1” (2014) |©Lionsgate/ Pris Audiovisuais

Agora, 4 anos após o lançamento do último livro, Suzanne Collins revelou através de um comunicado na The Associated Press que 2025 irá presenciar mais um regresso a Panem através de um novo livro. Este novo capítulo, intitulado “Sunrise on the Reaping”,  irá decorrer 40 anos após os eventos de “A Balada dos Pássaros e das Serpentes” e cerca de 25 anos antes da trilogia original. A obra literária irá focar-se no 50th aniversário dos Jogos da Fome, a competição que viu Haymitch Abernathy sair vitorioso da arena.

Haymitch foi interpretado por Woody Harrelson nos quatro filmes originais, e rapidamente se tornou numa das personagens mais populares da saga. Com este regresso a Panem, os fãs irão ter a oportunidade de ver são só o treinador de Katniss, mas também diversas outras personagens, como um Presidente Snow mais maduro, e uns Caesar Flickerman e Claudius Templesmith em inicio de carreira.

Lê Também:   Prequela The Hunger Games | Descobre os looks da Premiere

No comunicado oficial, Collins referiu que: “Com ‘Sunrise on the Reaping’, inspirei-me na ideia de David Hume sobre a submissão implícita e, nas suas palavras, ‘a facilidade com que muitos são governados por poucos’. A história também se prestava a um mergulho mais profundo no uso da propaganda e no poder daqueles que controlam a narrativa. A questão ‘real ou não real?’ parece-me mais premente a cada dia que passa”.

O livro chega às bancas a 18 de março de 2025. A Lionsgate já confirmou também a adaptação ao grande ecrã, com estreia prevista para meados de novembro de 2026, com Francis Lawrence em negociações para regressar como realizador.


O que diz a Crítica?

The Hunger Games Filmes Portugal
© PRIS Audiovisuais

Os quatro filmes originais foram louvados pela critica especializada, com Geoffrey Macnab, do Independent, a afirmar que: “É animador encontrar um franchise cinematográfico orientado para os adolescentes tão corajoso como ‘The Hunger Games’. Mesmo assim, ‘Catching Fire’ continua a ser contraditório, preso num mundo entre uma alegoria política de pesadelo e o escapismo adolescente”. Já Susan Wloszczyna, do RogerEbert.com, refere que: “A única invenção verdadeiramente nova – e a que mais importa – é a própria Katniss. Com cada capítulo no ecrã, a pobre rapariga do Distrito 12 continua a cumprir o seu destino como inspiração e lutadora rebelde”.

Lê Também:   Os Jogos da Fome | Prequela chega a Portugal pela Editoral Presença

A nossa colaboradora Catarina Oliveira refere na sua crítica que esta saga é “um épico íntimo onde os maiores conflitos são desenrolados em grandes planos expressivos ou sugestões brutais, ao invés de chacinas violentas. É intimidante combater primatas violentos, enfrentar nevoeiros venenosos e batalhar assassinos experientes, mas nada disto se compara ao terror puro de um espancamento em via pública ou o poder sedutor de uma ameaça talhada em meias palavras. No mínimo, é o que se pode considerar como uma forma bem arriscada e corajosa de filmar entretenimento blockbuster.”

O mais recente capítulo não ficou de fora dos elogios, com Elizabeth Weitzman, da Time Out, a constatar que: “As cenas de ação continuam bem filmadas e bem editadas e, mesmo sem a energia política provocadora dos anos de Katniss, os paralelismos culturais entre o mundo de Panem e o nosso mantêm o seu poder inquietante”.

O que pensas da ideia? Vais agarrar este novo livro?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *