© Apple Studios

Assassinos da Lua das Flores | “Lily Gladstone carrega o filme às costas” diz Leonardo DiCaprio

Lily Gladstone tem sido o tema de conversa de “Assassinos da Lua das Flores” e Leonardo DiCaprio é um dos seus maiores fãs.

Em “Killers of the Flower Moon”, o novo filme de Martin Scorsese, é Lily Gladstone quem tem recebido o merecido destaque, mesmo contracenando com nomes gigantes como Leonardo DiCaprio ou Robert De Niro.

Nesta que é a esquecida história do massacre de nativos-americanos durante os anos 1920, Gladstone interpreta o papel-chave de Mollie Burkhart, a esposa do personagem de DiCaprio, Ernest Burkhart, que está, de certa forma, envolvido nos homicídios apresentados.

Lê Também:   Óscares 2024 | De Cillian Murphy a Leonardo DiCaprio, o ano dos Biopics

Porém, o sucesso da atriz não tem incomodado a grande estrela que é Leonardo DiCaprio. Pelo contrário, o vencedor do Óscar tem sido um grande apoiante dela. Em entrevista à British Vogue, DiCaprio afirmou que Lily Gladstone é surpreendente no projeto e que “carrega todo o filme e a história” às costas.

Segundo o ator, “Lily tem uma presença e força incrível” e  “passou meses  a estudar Mollie Burkhart e a sua família, trabalhando extensivamente para entender as complexidades desta mulher, o seu relacionamento com Ernest e o seu legado dentro da comunidade Osage”.

Lê Também:   Lily Gladstone em Assassinos da Lua das Flores | Sem Oscar 'scene' mas com Oscar 'face'



DiCaprio destaca o papel que Lily teve também atrás das câmaras enquanto nativa-americana, “tornou-se uma fonte de orientação para todos nós, incluindo Scorsese, no modo como contamos a história”. Filha de pai Black Feet e mãe branca, Gladstone cresceu entre a reserva de Black Feet e Seattle.

Leonardo DiCaprio acredita também que Gladstone e a sua herança fazem parte da razão pelo qual o próprio argumento do filme foi retrabalhado. Inicialmente, o ator seria Tom White, o agente do FBI, e a narrativa funcionaria como um policial tradicional em que havia um mistério na comunidade a ser resolvido por um agente, trazendo uma abordagem “white saviour” para esta história. Na nova versão, a equipa procurou trazer com precisão a tragédia que foi o chamado Reinado do Terror.

Lê Também:   Assassinos da Lua das Flores | Está a representação da Nação Osage garantida? 

“Não parecia que chegava ao cerne da questão”, afirmou Leo sobre o projeto inicial, “Não estávamos imersos na história dos Osage. Havia esta pequena cena entre Mollie e Ernest que provocou tanta emoção em nós” que levou a que tentassem perceber o que era, de facto, aquela relação, “porque era tão distorcida e bizarra, ao contrário de qualquer coisa que eu já tenha experienciado antes”.

Um dos grandes destaques do filme é mesmo a dinâmica e a relação de DiCaprio e Gladstone que captaram as nuances estranhas deste corrosivo romance.

“Assassinos da Lua das Flores” é já um dos grandes favoritos ao Óscar em categorias como Melhor Filme, Melhor Argumento Adaptado, Melhor Realizador, Melhor Montagem, Melhor Banda Sonora, entre muitas outras, incluindo ainda nomeações para Lily Gladstone, DiCaprio e De Niro nas suas respetivas categorias.

O filme terá que enfrentar “Oppenheimer”, “Poor Things” ou “Barbie”, outros dos grandes concorrentes, sendo que Emma Stone parece ser a maior rival de Gladstone na conquista ao Óscar.

TRAILER | LILY GLADSTONE BRILHA EM KILLERS OF THE FLOWER MOON

E  tu, já viste o filme? Gostaste de ver Lily Gladstone em cena?



Também do teu Interesse:


About The Author


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *