© 2013 - Universal Pictures

Se és fã de “Todos Menos Tu”, há 8 comédias românticas à tua espera no streaming

Se adoraste “Todos menos Tu” e não sabes o que ver a seguir, a MHD apresenta-te uma lista de comédias românticas que tens mesmo de conhecer.

Nos últimos meses, temos assistido ao ressurgimento de um género que parecia não ter lugar nas salas de cinema, e tudo isto graças ao inesperado sucesso de “Todos menos Tu”, a comédia romântica que une Sydney Sweeney e Glen Powell, duas das estrelas mais promissoras em Hollywood neste momento.

Lê Também:   Esta muito aguardada minissérie com Kate Winslet já estreou na HBO Max

Após um primeiro encontro fantástico, a atração ardente entre Bea (Sydney Sweeney) e Ben transforma-se em gelo. Quando se reencontram de forma inesperada num casamento na Austrália, tomam a péssima decisão de fingir que são um casal… É esta a história da comédia romântica que se tem revelado simples e eficaz para trazer de volta o público aos cinemas.

Sydney Sweeney e Glenn Powell brilham em “Todos Menos Tu” © Columbia Pictures

Se és uma das milhares de pessoas que já foi aos cinemas ver “Todos Menos Tu” e te deixaste enfeitiçar pela química dos dois atores, há vários filmes dentro do género de comédia romântica que também te podem satisfazer.

Lê Também:   Estas foram as 10 séries mais vistas nos EUA em 2023

Por isso mesmo, a MHD reuniu uma lista que inclui clássicos do género, pérolas escondidas e ainda obras muito recentes que merecem ser vistas. E o melhor de tudo é que todos estes oito títulos estão disponíveis no streaming.


UPGRADED (2024), DE CARLSON YOUNG

Lançado a 9 de fevereiro, este filme conta-nos a história de Ana Santos (Camila Mendes), uma ambiciosa estagiária que luta para conseguir uma carreira no mundo da arte e impressionar Claire (Marisa Tomei). a sua chefe muito exigente. Quando tem um upgrade para a primeira classe durante uma viagem de trabalho, Ana cruza-se com o aristocrático Will (Archie Renaux) que a confunde com a sua chefe. Ana acaba por entrar nesta pequena mentira que acabará por desencadear uma série de acontecimentos, oportunidades e até mesmo romances.

Lê Também:   Esta foi a primeira filha de dois vencedores dos Óscares a triunfar com a Academia de Hollywood

Por se tratar de um filme de streaming, “Upgraded” passou um pouco despercebido e não conseguiu provocar o mesmo falatório que “Todos Menos Tu”, mas ainda assim vale a pena ser descoberto e muito por causa da sua protagonista. Carismática e vibrante no ecrã, Camila Mendes opera ao mais alto nível, potencializando todo o drama e a comédia necessários para fazer a obra funcionar. O outro grande ponto forte da história é o ambiente em que se passa, o competitivo mundo dos leilões de arte, e a forma entusiasmante como esse é transmitido ao público.

Disponível na Prime Video!


RYE LANE (2023), DE RAINE ALLEN MILLER

Nesta pérola escondida no streaming, Dom (David Jonsson) e Yas (Vivian Oparah) são dois jovens a recuperar de términos intensos que se conectam durante um dia agitado no sul de Londres… Naquele que é o seu primeiro filme, a realizadora Raine Allen Miller demonstra muita promessa ao imprimir o seu estilo muito próprio e cinemático, ao mesmo tempo que abraça as convenções de género, sem nunca as tomar como regra. É um encontro entre a tradição e a frescura tão necessária para a evolução da comédia romântica nos dias de hoje.

Lê Também:   Este épico com 93% no Rotten Tomatoes é o filme mais visto em Portugal

No centro de tudo, está a carismática e luminosa dupla improvável formada por Jonsson e Oparah, que em nada se parecem com movie stars. Captando aqui um realismo e uma veracidade que nem sempre encontramos neste tipo de filmes.

Disponível no Disney+!


CRUSH (2022), DE SAMMI COHEN

Paige Evans (Rowan Blanchard) é uma jovem artista que se vê forçada a juntar-se à equipa de atletismo da sua escola. No entanto, nem tudo é mau já que isso lhe dá a oportunidade de se aproximar de Gabriela (Isabella Ferreira), a impressionante atleta por quem tem uma paixão desde sempre. Porém, o seu coração resolve pregar-lhe uma partida.

Lê Também:   Esta série tem 100% no Rotten Tomatoes e está de volta à HBO Max
Seguindo uma narrativa expetável dentro dos moldes do género e da ideia de um triângulo amoroso, “Crush” oferece a possibilidade de uma representatividade LGBTQIA+ positiva, no sentido em que foca a história em narrativas que em nada lidam com a homofobia. A protagonista é forte e a construção das suas pretendentes é suficientemente bem demarcada com Auli’i Cravalho a provar mais uma vez que tem talento para dar e vender.

Disponível no Disney+!


MARRY ME – FICA COMIGO (2022), DE KAT COIRO

Kat Valdez (Jennifer Lopez) e Bastian (Maluma), duas super estrelas da música pop, são o casal do momento e estão prestes a celebrar o seu casamento em direto para uma plateia de 20 milhões de fãs. Quando Kat descobre estar a ser traída pelo amado, decide não dar parte fraca e toma a decisão inesperada de casar com um desconhecido que segura um cartaz a dizer “Marry me”. Esse desconhecido é o professor de matemática Charlie Gilbert (Owen Wilson) que apenas está a acompanhar a filha… Começa assim uma inesperada e insólita história de amor.

Lê Também:   Injustiça nos Óscares 2024 | Realizador português não receberá o prémio se Homem-Aranha vencer

Para aqueles que procuram um filme mais tradicional e confortável, irão encontrar aqui a estrutura clássica de uma comédia romântica com vários momentos de humor bem trabalhados e uma dupla principal que funciona na ideia de “os opostos atraem-se”.

Disponível na Netflix!


DÁ TEMPO AO TEMPO (2013), DE RICHARD CURTIS

Ao completar 21 anos, Tim (Domhnall Gleeson) é surpreendido com a notícia dada pelo seu pai (Bill Nighy) de que pertence a uma linhagem de viajantes no tempo. Ou seja, todos os homens da família conseguem viajar para o passado. Cético a princípio, Tim entusiasma-se com o dom ao ver que o seu pai não está a mentir. A sua primeira decisão é usar esta capacidade para conseguir uma namorada, mas logo percebe que viajar no tempo e alterar o que já aconteceu pode provocar consequências inesperadas.

Lê Também:   Vem aí o maior filme da carreira de Paul Thomas Anderson e Leonardo DiCaprio é o protagonista

Esta é a primeira, mas não a última, entrada na lista que conta com o toque especial de Richard Curtis, um argumentista britânico que deixou a sua marca na história do género. Estamos perante uma obra que começa com uma premissa inusitada e um pouco parva que se vai desdobrando numa viagem cheia de questões morais e emocionais, tratando-se uma proposta menos leve que a de “Todos Menos Tu” mas igualmente recompensadora.

Disponível na Prime Video!


ABAIXO O AMOR (2003), DE PEYTON REED

Barbara Novak (Renée Zellweger) causa sensação em Nova Iorque quando escreve um manifesto pró-feminista chamado “Abaixo o Amor” em que diz não ao amor e sim à carreira, ao poder e ao sexo. Mas quando o livro se transforma num dos “best-seller” do momento, Barbara torna-se o alvo de Catch, um jornalista (Ewan McGregor) que está disposto a tudo para desmascarar a autora.

Lê Também:   Antes de The Regime, Kate Winslet já tinha brilhado nesta minissérie na HBO Max

Quem disse que as comédias românticas não podem surpreender, nunca teve o deleite de ver “Abaixo o Amor”, que possui uma das reviravoltas mais inacreditáveis da história do cinema recente. Ambientada nos anos 60 e claramente inspirada nos filmes dessa época, a longa-metragem traz uma dinâmica divertida e fogosa entre os seus protagonistas, contando ainda com ótimos desempenhos secundários de David Hyde Pierce e Sarah Paulson no papel dos amigos do par amoroso.

Disponível no Disney+!


O DIÁRIO DE BRIDGET JONES (2001), DE SHARON MAGUIRE

No início de mais um ano, a solteirona Bridget Jones (Renée Zellweger), de 32 anos, decide que está na hora de controlar o seu próprio destino e começa a escrever o seu diário. Aventureira e com opinião formada sobre todos os assuntos, principalmente no que diz respeito às suas amigas casadas, homens, ginástica, comida e sexo, Bridget está determinada a virar a página da sua vida. Apesar das suas tentativas, ela ainda se vê dividida entre dois homens, Mark Darcy (Colin Firth), que é bom demais para ser verdade, e Daniel Cleaver (Hugh Grant), que é tão errado que talvez seja o mais certo para ela…

Lê Também:   HBO Max traz o regresso de Kate Winslet e a estreia de Wonka em Março

Pelo seu memorável desempenho, Zellweger recebeu uma nomeação aos Óscares e não é por menos, já que a sua presença em cena é absolutamente contagiante, vulcânica e incapaz de deixar alguém indiferente. Este longa-metragem traz um humor britânico bem afiado e moderno com um setup clássico derivado de Jane Austen, onde não falta um encantador Colin Firth na pele do Mr. Darcy da vez. Se gostaste da forma como “Todos Menos Tu” adaptou a obra de William Shakespeare, este é o filme para ti!

Disponível na Netflix!


NOTTING HILL (1999), DE ROGER MICHELL

William Thacker (Hugh Grant) é um simples dono de livraria que tem sua vida virada de cabeça para baixo quando se apaixona por Anna Scott (Julia Roberts), uma famosa atriz de Hollywood, interpretada por Julia Roberts. Ambientada no charmoso bairro londrino de Notting Hill, esta é a improvável história do romance que se desenrola entre eles.

Lê Também:   Esta minissérie acabou de estrear e já é a mais vista da HBO Max

Naquele que é provavelmente o melhor filme da carreira do argumentista Richard Curtis, somos apresentados a um cenário irrealista que nos faz sonhar com a possibilidade entusiasmante de viver um romance com a nossa estrela favorita. Nesse sentido, Hugh Grant encarna perfeitamente esse homem comum, sempre charmoso mas também atrapalhado, colidindo perfeitamente com o movie star charisma que Julia Roberts emana. Tão romântico quanto engraçado, este é um clássico imperdível para todos os fãs da comédia romântica.

Disponível na SkyShowtime Portugal!

E tu, gostaste de “Todos Menos Tu”? Qual destas comédias românticas vais ver primeiro?

One thought on “Se és fã de “Todos Menos Tu”, há 8 comédias românticas à tua espera no streaming

  • Teresa

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *