© Disney Enterprises, Inc. and Pixar Animation Studios. All Rights Reserved.

Os Melhores Filmes da Pixar

Os elementos da equipa da MHD juntaram-se para escolher os melhores filmes de animação da Pixar. Estes foram os resultados conseguidos com essa votação.

Em 2019 foi a última vez que a nossa equipa fez um ranking dos melhores filmes Pixar. Será que muito mudou? A votação deste Top foi feito com a ajuda do site Slido, onde os nossos colaboradores votaram para as melhores animações da Pixar e Disney. Depois foi feita a separação dos filmes feitos pela Pixar.

Qual é o teu favorito?

20 – A VIAGEM DE ARLO (2015)

a viagem de arlo pixar
© 2015 – Walt Disney/Pixar Studios

Começamos com esta animação de 2015 “A Viagem de Arlo”, que é a décima sexta longa metragem animada que saiu da Pixar. 

O enredo deste filme acontece num período de tempo alternativo onde os dinossauros não foram extintos.  O jovem dinossauro Arlo, para desgosto do seu pai, é bondoso e não feroz, e forma uma amizade inesperada com um humano. Quando ele se encontra longe de casa é o pequeno humano que o vai ajudar a regressar.

Lê Também:   A Viagem de Arlo, em análise

O elenco original contou com as vozes de Raymond Ochoa, Jeffrey Wright, Frances McDormand, Anna Paquin, Marcus Scribner, Steve Zahn e Sam Elliott. Já a versão portuguesa contou com as vozes de Benjamin da Guerra, Natália Luiza, Filipe Duarte, Vera Kolodzig, Diogo Amaral, Pedro Lima e Ana Carolina.




19 – CARROS 2 (2011)

carros 2 pixar
© 2011 – Walt Disney Studios

“Carros 2” é definitivamente o menos popular filme da trilogia “Carros”. Este filme de 2011 foi a décima segunda longa metragem animada da Pixar continuando a história de Faísca McQueen, ou Lightning McQueen. 

Nesta sequela voltamos a ver McQueen e companheiros de volta a Radiator Springs depois de mais uma vitória na Taça Pistão, só que ele não vai descansar por muito tempo quando o italiano Francesco Bernoulli o desafia para o Grand Prix. No Meio disto tudo existem espiões à mistura.

Lê Também:   TOP Filmes Pixar | Ranking oficial MHD

Owen Wilson, Larry the Cable Guy, Tony Shalhoub, Guido Quaroni Bonnie Hunt e John Ratzenberger retomaram a dar as suas vozes para as personagens do primeiro filme, contando também com a chegada de Michael Caine, Emily Mortimer, John Turturro, Eddie Lizzard e Thomas Kretschmann. Em Portugal, as vozes que deram vida a estas personagens eram de José Raposo, Pedro Granger, Nuno Markl, António Machado Duro, Diana Nicolau e Tiago Monteiro.




18 – BORA LÁ (2020)

bora la critica
“Bora Lá” | © Disney

“Bora Lá” estreou no início da pandemia o que levou a que o seu sucesso comercial tenha sido atribulado, no entanto conseguiu uma nomeação para o Óscar de Melhor Filme de Animação.

O enredo deste filme decorre num mundo onde elfos, trolls, centauros, sereias e gnomos vivem em harmonia. Dois irmãos elfos, que perderam o pai quando eram muito novos, vão embarcar numa aventura para descobrir se o mundo ainda tem magia e terem um encontro com o seu pai.

Lê Também:   Bora Lá, em análise | Melhor Filme de Animação

O elenco original contou com as vozes de Tom Holland, Chris Pratt, Julia Louis-Dreyfus, Octavia Spencer e Mel Rodriguez. Já a versão portuguesa contou com as vozes de André Raimundo, Isabel Ribas, Romeu Vala, José Neves, Tânia Alves e João Brás.




17 – CARROS 3 (2017)

carros 3 pixar
© 2017 Disney/Pixar.

Embora não consiga bater o original, “Carros 3” é um ótimo final para a história de Faísca McQueen, deixando a porta está aberta para um novo capítulo.

Nesta animação, McQueen já tem o estatuto de lenda na Taça Pistão só que uma nova geração de carros está a emergir, liderada por Jackson Storm e, depois de um grave acidente numa prova, McQueen entra num estado depressivo. No entanto tem a oportunidade de provar que ainda é capaz. É aí que conhece Cruz, uma treinadora que tem o sonho de um dia ser uma corredora. Os dois entram numa aventura para que McQueen consiga correr só mais uma vez.

Lê Também:   Carros 3 | DVD, em análise

Muitas vozes regressaram dos filmes anteriores com a adição de Cristela Alonzo como Cruz e Armie Hammer como Storm.




16 – TOY STORY 4 (2019)

Toy Story 4
Toy Story 4 | © Disney.Pixar

“Toy Story 4” encontra-se nesta lista como o pior dos filmes desta saga, talvez por ter sido um filme desnecessário. O filme de 2019 foi realizado por Josh Cooley e escrito por Stephanie Folsom e Andrew Staton.

O enredo passa-se dois anos após os eventos de “Toy Story 3”, e os brinquedos de Andy agora vivem na casa de Bonnie. Aqui Woody está preocupado em ser deixado para trás pela sua nova dona. Mas no primeiro dia de escola, Woody entra na mochila de Bonnie às escondidas e este vai ajudá-la a criar outro brinquedo que ganha vida mas que nega ser um brinquedo mas sim lixo. A partir daqui, Woody vai ter de ajudar este brinquedo a perceber que não é lixo.

Lê Também:   Toy Story 4, em análise

O elenco original teve as vozes de Tom Hanks, Tim Allen, Annie Potts, Joan Cusack, Kristen Schaal, Don Rickles, Estelle Harris, Keanu Reeves e muitos outros. Já as vozes portuguesas foram de Miguel Ângelo, Paulo B., Teresa Sobral, Marco Medeiros, Mário Bomba, Luz Fonseca, José Raposo e muito mais.




15 – SOUL: UMA AVENTURA COM ALMA (2020)

soul pixar
© 2020 Disney/Pixar

“Soul: Uma Aventura com Alma” é um filme peculiar porque devido à pandemia de COVID-19, este não chegou a passar em salas de cinema e foi diretamente para a plataforma de streaming da Disney. O filme foi co-realizado por Pete Docter e Kemp Powers, tendo um argumento de Docter, Powers e Mike Jones.

O filme segue um professor de música que tinha o sonho de se tornar numa estrela de jazz e finalmente tem uma oportunidade para mostrar o seu talento. Só que um acidente vai fazer com que a sua alma se separe do seu corpo e vá para uma dimensão onde almas são desenvolvidas antes de seguirem para um recém-nascido.

Lê Também:   Soul – Uma Aventura com Alma, em análise

O elenco original era constituído por Jamie Foxx, Tina Fey, Questlove, Phylicia Rashad, Daveed Diggs e Angela Bassett. Já o elenco de vozes portuguesas foi constituído por Jorge Mourato, Ana Rita Tristão, José Jorge Duarte, Filomena Cautela, Camila Cerqueira e muitos mais. O problema com a versão portuguesa foi a falta de atores negros nos papéis.




14 – BRAVE – INDOMÁVEL (2012)

brave pixar
© 2011 – Disney/Pixar

“Brave – Indomável” marca a primeira princesa Disney a ser criada pela Pixar, tornando-se também o primeiro filme Pixar a ter uma protagonista feminina e a usar um novo sistema de animação: Presto.

O enredo desta animação passa-se na Escócia seguindo as aventuras da princesa Merida de DunBroch que vai desafiar tudo e todos para não seguir os costumes da época. O problema é que com todo o caos que ela causa, a sua mãe é transformada num urso e Merida tem que a salvar e salvar o seu reino.

Lê Também:   Disney+ | Qual a personalidade da tua princesa preferida?

O elenco original tinha as vozes de Kelly Macdonald, Billy Connolly, Emma Thompson, Julie Walters, Robbie Coltrane, Kevin McKidd e Craig Ferguson. A versão portuguesa contou com as vozes de José Neves, Helena Montez, Natália Luiza, Carolina Sales, Daniela Ruah e Carlos Freixo.

Na altura esta animação conseguiu arrecadar um Óscar, um Globo de Ouro e um BAFTA.




13 – UMA VIDA DE INSECTO (1998)

uma vida de insecto pixar
© 1998 – Pixar/Walt Disney Productions

“Uma Vida de Insecto” foi a segunda animação a ser produzida pela Pixar depois de “Toy Story”, tendo sido inspirada na popular fábula de “A Cigarra e a Formiga”. 

O enredo desta animação segue Fik, uma formiga individualista e inventora, que faz com que a oferenda da colónia das formigas para um grupo de gafanhotos famintos seja perdida. Para salvar a sua colónia, Fik pede ajuda a outros insectos, só que estes não são guerreiros mas sim insectos circenses.

Lê Também:   Disney * Pixar | Personagens inspiradas em pessoais reais

O elenco original continha Dave Foley, Kevin Spacey, Julia Louis-Dreyfus e Hayden Panettiere. Já a versão portuguesa contou com as vozes de Paulo Oom, Carmen Santos, Fernando Luís, Rui Luís Brás, José Jorge Duarte, João Lagarto, entre outros.




12 – COCO (2017)

coco pixar
© 2017 Disney/Pixar. All Rights Reserved.

“Coco” é a quinta produção da Pixar com maior bilheteira, depois de “Toy Story 3”, “À Procura de Dory”, “À Procura de Nemo” e “Divertida-Mente”. O filme é inspirado no feriado mexicano do Dia dos Mortos com uma ideia original de Lee Unkrich, que também realizou esta animação com a ajuda de Adrian Molina.

O filme segue a aventura de Miguel, um rapaz de 12 anos, que é apaixonado por música, só que vive numa família onde a música é proibida. Por causa dessa paixão, Miguel vai parar à Terra dos Mortos e vai precisar da ajuda dos seus familiares para sair de lá.

Lê Também:   Os 10 Filmes Que Não Podes Perder No Dia da Criança

O elenco original contou com as vozes de Anthony Gonzalez, Gael García Bernal, Benjamin Bratt, Alanna Ubach, Renée Victor, Ana Ofelia Murgía e Edward James Olmos. Já as vozes portuguesas foram Cucha Carvalheiro, Ermelinda Duarte, Ana Vieira, Manuel Encarnação, Pedro Leitão e Mário Redondo.




11 – CARROS (2006)

carros pixar
© 2006 Disney/Pixar. All Rights Reserved.

“Carros” foi a última produção a sair da Pixar antes desta ter sido adquirida pela Disney. Esta animação foi realizada e co-escrita por John Lasseter com um argumento de Dan Fogelman.

O enredo deste filme decorre num mundo cheio de carros, seguindo a história do jovem Faísca McQueen, um carro de corrida novo e muito pretensioso. Depois de uma corrida, McQueen fica perdido e acaba em Radiator Spring onde conhece um grupo de outros carros que vai mudar a sua maneira de ver o mundo e as corridas.

As vozes originais incluíram nomes como Owen Wilson, Paul Newman, Bonnie Hunt, Larry the Cable Guy e muitos outros. Já as vozes portuguesas incluem Pedro Granger, Manuel Cavaco, Vera Kolodzig, José Raposo, Paul Oom e Marcoantónio Del Carlo.




10 – DIVERTIDA-MENTE (2015)

divertida-mente pixar
© 2015 – Disney/Pixar

“Divertida-Mente” foi realizado e co-escrito por Pete Docter, que se inspirou na sua filha e em como a sua personalidade foi mudando com o seu crescimento. O filme foi um sucesso que recebeu um Óscar de Melhor Animação.

Nesta animação seguimos a vida de Riley Andersen e como as suas emoções governam a sua vida depois de uma grande mudança na sua vida.

Lê Também:   Divertida-Mente | 10 curiosidades que não sabias

As vozes originais incluem Kaitlyn Dias, Amy Poehler, Phyllis Smith, Bill Hader, Lewis Black, Mindy Kailing, Diane Lane e Kyle MacLachlan. A versão portuguesa contou com as vozes de Bárbara Lourenço, Carla García, Paulo Oom, Carlos Freixo, João Baião, Nuno Markl, Luz Fonseca, Custódia Gallego e Nuno Pardal.

Foi anunciado, após o fim da greve dos atores, que uma sequela está a caminho dos cinemas para o próximo ano.




9 – UP: ALTAMENTE (2009)

up altamente pixar
© Disney/Pixar. All Rights Reserved.

“Up: Altamente” foi a décima longa-metragem a sair da Pixar, tendo conseguido obter a quarta maior bilheteira do estúdio depois de “Monstros: A Universidade”, “À Procura de Nemo” e “Toy Story 3”. Este filme ganhou dois Óscares e tornou-se na segunda animação, depois de “A Bela e o Monstro”, a receber uma nomeação para Melhor Filme nos Óscares.

Esta animação segue um viúvo que quer cumprir o sonho da sua falecida esposa, só que pelo meio pessoas e animais vão-se envolver na história.

Lê Também:   Estes são 10 filmes dramáticos que te vão fazer chorar

O elenco inclui as vozes de Edward Asner, Christopher Plummer, Jordan Nagai, Bob Peterson, Pete Docter, Delroy Lindo e John Ratzenberger. A versão portuguesa contou com as vozes de Carlos Vieira de Almeida, António Marques, Luísa Salgueiro, Rui Paulo, Jasmin de Castro e Carlos Paulo.




8 – THE INCREDIBLES – OS SUPER HERÓIS (2004)

the incredibles pixar
© 2004 Buena Vista Pictures Distribution. All Rights Reserved.

“The Incredibles – Os Super Heróis” foi lançado em 2004 e foi a sexta longa metragem de animação a sair da Pixar. O filme foi escrito e realizado por Brad Bird que originalmente desenvolveu este filme para a Warner Bros. Contudo, devido ao enorme fracasso de “Looney Tunes: De Novo em Ação”, a divisão de animação da Warner foi fechada.

Aí, Bird encontrou um ex-colega, John Lasseter, que gostou da ideia de Bird e o convidou a trabalhar para a Pixar.

O enredo segue um casal de super-heróis que tentam viver uma vida serena nos subúrbios, escondendo os seus poderes. No entanto, o desejo de ajudar foi maior, o que levou a um confronto com um fã do casal que se tornou num vilão.

Lê Também:   The Incredibles 2: Os Super-Heróis, em análise

O elenco de vozes originais contou com Craig T. Nelson, Holly Hunter, Sarah Vowell, Spencer Fox, Jason Lee, Samuel L. Jackson e Elizabeth Peña. Já a versão portuguesa contou com André Maia, João Lagarto, Paula Fonseca, Rui Unas, Renato Godinho, Afonso Maló e Leonor Machado.




7 – MONSTROS E COMPANHIA (2001)

monstros e companhia pixar
© 2001 – Buena Vista Pictures

“Monstros e Companhia” foi uma animação de 2001 que foi realizada por Pete Docter, sendo a sua estreia na cadeira de realizador. O processo de desenvolvimento começou em 1996, com as personagens a terem várias encarnações, mas no fim os técnicos e animadores conseguiram desenvolver uma tecnologia que fizesse com que simular peles e tecidos se tornasse mais realista.

Lê Também:   Disney+ apresenta as personagens de Monsters at Work

O enredo foca-se em dois monstros: Sully e Mike, que são empregados numa fábrica de produção de energia criada pelos sustos de crianças humanas. Estes monstros pensam que as crianças são tóxicas até que uma vai parar ao mundo deles. As vozes originais incluíram nomes como John Goodman, Billy Crystal, Steve Buscemi, James Coburn, Mary Gibbs e Jennifer Tilly. Já a versão portuguesa contou com João Baião, Fernando Luís, Paulo Oom, Carolina Vieira, Isabel Ribas e Rui Paulo.




6 – TOY STORY 3 (2010)

toy story 3 pixar
© Disney/Pixar. All Rights Reserved.

“Toy Story 3” foi o terceiro filme da saga que estreou em 2010. A longa-metragem atingiu um bilião nas bilheteiras mundiais, tornando-se no filme mais lucrativo do ano e a quarta animação mais lucrativa de todos os tempos.

Nesta sequela continuamos a seguir Woody, Buzz Lightyear e companhia nas suas aventuras. Desta vez, Andy está a caminho da faculdade e doa os seus brinquedos a uma creche, só que os brinquedos não desistem de Andy e querem regressar a casa.

Lê Também:   Estes são os filmes que ultrapassaram a barreira dos mil milhões de dólares

Tom Hanks, Tim Allen, Don Rickles, entre outros estão de regresso nas vozes originais. Contudo contaram com as adições de Ned Beaty, Michael Keaton, Whoopi Goldberg, Timothy Dalton, Kristen Schaal, Bonnie Hunt e Jeff Garlin. As vozes portuguesas contaram com Luz Fonseca, Luís Lucena, Adriano Luz, Paulo B. e Miguel Ângelo.




5 – TOY STORY 2 (1999)

toy story 2 pixar
© 1999 Disney/Pixar

“Toy Story 2” é uma longa-metragem de animação de 1999 que começou por ser um projeto que iria diretamente para vídeo feito pela Disney, só que a Pixar não gostou da qualidade do projeto e tomou-o em mãos, ficando no entanto com um prazo muito curto. Para além disto a Pixar quase perdeu o filme todo mas conseguiu estrear o filme em 1999. 

O filme foi muito bem recebido tendo, até obtido uma pontuação de 100% no Rotten Tomatoes, é uma das melhores sequelas de sempre.

Lê Também:   Disney * Pixar | As novidades da D23 Expo

Neste filme, Woody é roubado por um colecionador e Buzz e amigos vão preparar uma missão para o resgatar. Só que Woody sente-se tentado a ficar no museu onde se encontra. Hanks e Allen regressaram com a chegada de novos nomes como Joan Cusack, Jodi Benson, Kelsey Grammer, Estelle Harris e Wayne Knight. A versão portuguesa contou com as vozes de José Raposo, Carmen Santos, Miguel Ângelo, Paulo B., Teresa Sobral, Carla de Sá e André Maia.




4 – À PROCURA DE NEMO (2003)

à procura de nemo pixar
© 2003 – Pixar/Disney

“À Procura de Nemo” foi uma longa-metragem de animação que estreou em 2003. Contudo a sua pré-produção começou muito antes, em 1997, só que a tecnologia ainda não estava desenvolvida o suficiente para que os movimentos dos animais fossem realistas.

O filme foi muito bem recebido na altura e foi considerado o novo pico da Pixar, em termos tecnológicos, e continua a ser considerado por muitos um dos mais importantes filmes de animação de sempre, tendo mesmo recebido um Óscar de Melhor Filme de Animação. Este foi o primeiro filme da Pixar a receber este prestigioso prémio.

Lê Também:   Filmes que completam 20 anos em 2023

O enredo segue um pai peixe-palhaço que anda à procura do seu filho no grande oceano. Ele conta com a ajuda de uma fêmea de cirurgião-patela. A versão original contou com as vozes de Albert Brooks, Ellen DeGeneres, Alexander Gould, Willem Dafoe e Geoffrey Bush.

Já a versão portuguesa tem as vozes de Rodrigo Paganelli, Rui Paulo, Rita Blanco, João Lagarto, Fernando Luís e José Jorge Duarte.




3 – TOY STORY – OS RIVAIS (1995)

toy story pixar
© 1995 – Walt Disney Studios. All rights reserved.

“Toy Story” foi a primeira longa-metragem da Pixar, que produziu curtas-metragens de animação e ficou conhecido por ser o primeiro filme na história do cinema a ser completamente feito por imagens geradas por um computador. Este filme é, atualmente, considerado um clássico.

O enredo desta animação segue um grupo de brinquedos que ganham vida quando os humanos não estão por perto. A este grupo chega um novo e moderno brinquedo que vai lutar pela atenção do seu dono.

Lê Também:   A Disney faz 100 anos e esta é a história do estúdio mais mágico de Hollywood

Com Tom Hanks como Woody e Tim Allen como Buzz Lightyear, estas foram as vozes que marcaram o filme na sua versão original. Já na versão portuguesa, Miguel Ângelo deu a sua voz a Woody e Paulo B. foi Buzz.




2 – RATATUI (2007)

ratatui pixar
© Disney Enterprises, Inc. and Pixar Animation Studios. All Rights Reserved

“Ratatui” foi a oitava animação da Pixar que estreou em 2007 realizado por Brad Bird. O filme foi bem recebido pelo público e crítica, embora não tenha arrecadado a bilheteira de alguns outros filmes da Pixar.

O enredo desta animação segue um rato que vive em Paris e tem o sonho de se tornar num chefe de cozinha. A versão original contou com as vozes de Patton Oswald, Lou Romano, Janeane Garofalo, Ian Hom, Peter O’Toole, Brad Garrett e Will Arnett.

Lê Também:   O Menu | As cenas de comida mais icónicas da história do cinema

Já a versão portuguesa contou com as vozes de Helena Montez, Manuel Cavaco, Diogo Mesquita, Tiago Felizardo e José Wallenstein.




1 – WALL-E (2008)

wall-e pixar
© Disney/PIXAR. All Rights Reserved.

E em primeiro lugar fica “Wall-E”! Esta animação estreou em 2008 realizado por Andrew Stanton, aclamado pela crítica e conseguindo uma grande pontuação no Rotten Tomatoes. O filme recebeu vários prémios, incluindo um Globo de Ouro de Melhor Filme de Animação, um Óscar de Melhor Filme de Animação e um Prémio Hugo de Melhor Apresentação Dramática.

O enredo deste filme segue um robot que foi criado para limpar a Terra que está coberta de lixo. Este pequeno robot vai apaixonar-se por outro robot e segue-a para o espaço.

Lê Também:   30 filmes que nos alertam para os desastres ambientais

O elenco original teve as vozes de Ben Burtt, Elissa Knight, Jeff Garlin, Fred Willard, John Ratzenberger e Sigourney Weaver. Já a versão portuguesa contou as vozes de Carla García, José Nobre, Carlos Freixo, Luísa Salgueiro, Mário Bomba, Paula Fonseca, João de Carvalho e Mário Redondo.

Qual destes filmes é o teu favorito?

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *